terça-feira, 23 de abril de 2013

Começou a vida social

No passado fim de semana o pedro teve a primeira festa de aniversario de uma amiguinha da escola. Foi no ginásio clube português e estavam todos num excitex que só mesmo vendo.

Já à noite em casa perguntou-me, vezes sem conta, "mãe, gostaste do aniversario da maria? eu gostei!"

(há melhor do que ver esta felicidade estampada no rosto?)

Gente séria é outra coisa

Vou com o besnico à mercearia no bairro onde mora a minha mãe, para comprar um leite com chocolate:

pego no pacote, abro e digo "vá, podes ir bebendo"
resposta do espertalhão: "não mãe, tens de pagar primeiro"
eu digo "sim, mas podes ir bebendo"
dá um gole e diz "vá mãe tens de ir pagar"

sábado, 6 de abril de 2013

8 da manhã de sábado

'Mãe já é de dia! Acorda para a vida! Vamos jogas às escondidas'

(A mãe tinha caído no erro de ir jantar com amigas e de se deitar depois das 2 Da manhã....)

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Assim dá gosto

Ao dar o jantar, sentada com ele no sofá (boas maneiras à parte que já sei que deve ser à mesa...), deixei cair o prato que se partiu ao meio e deixou tudo espalhado no chão. Filho vem ter comigo à cozinha, passado um bocado, e pergunta muito sério: "estás bem?"

Dúvidas de mãe (rita)

Deve fazer-se alguma coisa quando os filhos nos chamam (neste caso específico) "mãe rita" e "pai nuno"? ou só mesmo pelos nomes? vale a pena contrariar, fingir que não se ouve e só responder por mãe e pai, e corrigir "não é rita é mãe" ou isto é passageiro?