segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

O que não nos mata...

Uma otite logo no ano novo. Outra esta semana, Odeio o Inverno. Odeio vê-lo doente. Odeio que ninguém durma em condições. Odeio odiar. Odeio pensar que a partir de Setembro tudo vai ser pior e que vou estar mais tempo em casa do que no trabalho. Odeio não ser rica. Odeio não ter mais ajudas. Odeio odiar. Vou medir a febre. Adeus

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

"Um dia fico sem gasolina"

Hoje foi quase como aquelas personagens que engravidam e depois dizem "ah e tal não sei como isto foi acontecer", só que numa proporção bem menorzinha. Ou seja, andei com o depósito da gasolina do meu carro a modos que "em baixo". Todos os dias eu pensava "amanhã vou abastecer" e o amanhã era sempre mais um dia. Sempre foi assim e um dia a coisa tinha de correr mal. Hoje foi mesmo o dia. Batat toda lampeira liga o carro aquilo estava aos soluços ou algo parecido. Pensei "ah e tal tem de aquecer é velhote e já não é o mesmo". Andei um bocado e os soluços estavam lá. Metia uma mudança e todo ele gritava "tenho fome!". Até que chegou o momento da manhã em que tenho de fazer a avenida de Ceuta. E o pânico apoderou-se de mim. "Ficar parada em plena avenida em hora de ponta, não posso não quero não não não". Posto isto, encostei à direita junto ao Banco alimentar e respirei fundo. "Fuck fuck fuck". Podia ligar ao batato mas não me pode acudir porque é muito cedo e ainda está com o batatinho. Vai disto e ligo a um irmão. E ao outro. E está tudo ainda a sair da cama pela fresquinha. Só aqui a je é que tirou o rabo da cama às 6h30 da matina. Ok, tudo bem. Tranca o carro em 4 piscas e faz-se à estrada até à repsol que por acaso até é lá ao fundo mas pronto é sempre a direito menos mal, deixei de sentir as mãos com o frio mas que se lixe bora lá já faltou mais. Ai canecoooooooooooooooooooooooo. Lá trago um bidão de 5 litros e faço o mesmo caminho de volta, "sou a maior não preciso dos homens para nada e tal e coiso que frio de um raio" que isto falara sozinha ajuda a aquecer. Mais 10 minutos para me cair a ficha e me lembrar que se quero abrir o depósito convém destrancar o carro. E pimbas, está feito "sou a maior, homens? humpf!". Vamos lá agora atestar isto e trabalhar!

(hoje foi o dia...)

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

O emissor de palmela acaba de ser desligado

(sinto um certo saudosismo)

Quinta com sabor a sexta

Venho fazer inveja aos demais. Hoje é sexta. Hoje vou jantar com amigas. Amanhã vou cuidar de mim. Mimar-me. E almoçar com outra amiga. E relaxar. Hoje é sexta. E era só isto.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Agora estamos nisto


(mais um romance de cordel?)

sou a única?

Não gosto do novo anúncio do Meo. O coro ao estilo Santo amaro, irrita-me. O empurrarem as crianças para os computadores, tablets e telefones deixa-me nervosa.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Check

Maria e Rodrigo são os nomes mais atribuídos a crianças, nos últimos tempos.

(agora que penso nisso, tenho 3 amigos com filhos rodrigos. Tenho uma sobrinha Maria e pelo menos 4 amigas com filhas com esse nome. Ufa!)

sábado, 7 de janeiro de 2012

E nem por isso trocava o meu filho por nadinha

Ontem deitei-me às 23h30. Hoje acordámos os 3 às 9h55. Estava tão a precisar de dormir assim umas horas valentes...

(sim, acordo todos os santos dias às 6h30 para entrar às 8h)
(passaram 2 semanas com o pirata doente terminando em grande com uma otite, piorando as noites)
(e amanhã vou trabalhar. santo domingo...)

A vida não pára

Depois de Paris e de Londres, com amigas, chega a vez de Madrid. Dia 20 de Abril é o dia. Easyjet no seu melhor com preços irresistíveis. 5 "miúdas" nas portas do sol. Cuidadinho...

Férias na semana do carnaval e na última semana de Março. Umas a 3 outras somente a 2.

O Porto em Maio com os coldplay e um fim de semana a 2.

Done

(agora venha o filme para eu poder dizer "o livro é muito melhor!")

Homenagem à amizade


falhei os teus anos. não temos falado. sabes que mesmo assim, não te falho.
(we -still- belong together)

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Mail da dodot

"O seu bebé já tem 25 meses"

(coisa mais boa da sua mãe e mais safada e mais sacaninha e mais pirata e mais trabalhosa e mais carinhosa e mais tudo)