sábado, 31 de dezembro de 2011

para 2012

-manter-me no sítio onde actualmente trabalho, estou cansada de sobressaltos e aqui corre bem, sem stresses
-continuar a ver o meu filho crescer e dar colo e mimo quando está doentinho e repreender quando faz asneiras e birras e ensiná-lo a ser alguém melhor, e rir com as gargalhadas e felicidade dele
-continuar a fazer os programinhas a dois com o batato, que é isso que nos mantém juntos, mesmo com as adversidades e a falta de paciência que nos assola de quando em quando. e os programas a 3, em família. e mais e mais coisas que nos mantenham mais e mais unidos.
-saúde oh fax favor... o inverno é lixado para os miúdos... e consequentemente para nós. enquanto forem as febres e os ranhos, menos mal, que com isso sabemos lidar...
-continuar rodeada de amigos, de jantares, de cafés, de mimos. porque sem isso também não vivo

(e o resto que venha por acréscimo)
(bom ano para quem visita aqui o estaminé)

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Pérolas da manhã

O fofinho do Monchique estaciona o seu smart numa via proíbida e dirige-se à cristal (suponho que para o pequeno- almoço) no seu fato de treino e gorro, às 7 e pouco.

Mais abaixo está um senhor na casa dos 70 anos feliz da vida a lavar o seu Ford Escort como se de um Domingo se tratasse (não é Domingo mas o novo ano está à porta!).

As estradas estão MESMO vazias. O trânsito flui que dá gosto.

Chego ao trabalho e... não há trabalho...

...

Esta noite dormimos sentados. Às 19h30, febre, benuron. 23h pirata acorda com ataque de tosse e vomita a cama toda. Muda pijama, muda lençois. 2h e pouco da manhã, febre a subir. Benuron. A única forma dele descansar um pouco foi a dormir sentado ao colo...

(escuso de dizer que estou aqui em modo zombie a trabalhar)
(vidas...)

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Há gente que é atrasada mental. Pronto.

Pessoas que vêm ao meu blogue dizer que eu é que desencadeio as discussões com o batato e que devia admitir e ainda me tratam por tu mas não se identificam são o quê?

(eu sei que são poucocinhas, não têm vida, roçam a doença mental, era só para confirmar)

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Tudo menos eu?

Lisboa está parada. Não há trânsito. Estará tudo de férias?

...

A pé desde as 5 da matina. Cansaço acumulado. Batato e eu discutimos por coisas sem sentido. Lá está, cansaço acumulado. Para ajudar à festa, ando desde Segunda quase sem trabalho. Tudo de férias no resto da Europa. E nós aqui.

(fora isso, o Natal correu bem, calminho, a ver filmes como as "Mulherzinhas" ou o "Toy Story", a comer sem parar - até janeiro - a ver o meu filho e os meus sobrinhos a correr, gritar, a rir, a fazerem birras, tudo de seguida, eu a roçar uma crise asmática, e a pensar "O Natal já não é o que era")
(e a passagem de ano não será muito diferente)

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

TPM

chocolates
batatas fritas
pão
bolachas
metabolismo acelerado
balança a acusar + uns 2 quilos


(nenhuma mulher merece...)

Era só isto

O meu filho é fofinho. O meu filho é fofinho. O meu filho é fofinho.

Anjinhos de Natal, até para o ano!

Ajudei no ano passado a Rute de 4 anos com um fato de treino e uma boneca. Este ano foi a vez de ajudar o Guilherme de 5 anos e comprar também um fato de treino e um homem aranha.


(obrigada ao exército de salvação por me deixar participar, parabéns pela iniciativa!)

sábado, 17 de dezembro de 2011

Dia 18 de Maio

Rumamos à invicta para o concerto dos Coldplay. E para um fim de semana a dois. Ainda faltam 6 meses. Mas os bilhetes já cá cantam. O presente de Natal de um para o outro. Tão bommmmmmmmmmmmmm!!
Ontem jantar de Natal da empresa. 50 macacos a fazer brindes, a comer como se não houvesse amanhã, a dizer disparates, a trocar presentes do amigo secreto e a batata... sempre a espirrar com os corninhos de rena na cabeça. Bah!!
Três alminhas com carraspana fechadas em casa no fim de semana. Tosses. Ranhos. Espirros. Na ordem do dia.
(somos fofinhos na mesma)

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Quem lhes pega?

E os CD's de música, versões "colectâneas"?

(obrigada pela correcção :)

domingo, 11 de dezembro de 2011

Livros e livros

Chega o Natal e chegam também os livros "colectâneas" de crónicas publicadas em jornais ou revistas ou blogues. E eu acho um desperdicio de dinheiro porque se gosto de quem escreve muito provavelmente já li as mesmas à medida que vão sendo publicadas. e não entendo o porquê de voltar a ler tudo novamente. gosto de reler os maias, gosto sim senhora. e os capitães de areia. e o meu pé de laranja lima. e em miúda reli vezes sem conta os livros de enid blyton dos colégios internos e os da alice vieira. mas não entendo qual o objectivo de reler crónicas. pior, se estão num blogue porque devo comprar em lugar de ir ao mesmo e ler? Opá, tenho mau feitio, verdade. E digo o que penso, verdade. Mas é que não entendo mesmo...

(pior só mesmo os livros de gajas como a raquel rocheta, a sónia brazão, e afins. ninguém merece)

Sono em dia

Ontem passei o dia a dormir. Coisa maravilhosa! Depois do concerto dos Smashing, que deixou a desejar e valeu pelo "disarm", minha música de eleição, consegui acordar tarde, passar a manhã na ronha. Dar almoço e almoçar e dormir 3 horas de sesta. E à noite lá nos arrastámos para o teatro, porque já tinhamos os bilhetes - e felizmente valeu a pena, para chegarmos e... voltarmos a dormir.

(hoje é tempo de comemorar os 3 anos da minha segunda sobrinha! Pequena Maria, daqui a bocado estamos aí!)
A peça de teatro protagonizada por Joaquim Monchique, "Júlio de Matos", vale a pena! Ide ver! Em cena na Casa do Artista :)

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Baguito

Faz hoje 7 anos que nasceu o menino dos meus olhos, baguito da minha vida. E eu a trabalhar. C'est la vie.

(quando sair daqui vou a voar encher-te de beijos)

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

O que mais detesto na área profissional? Quando as pessoas nos tomam de ponta e fazem tudo para nos prejudicar, mesmo que isso implique prejudicar também o trabalho global e a produtividade. Cuspo-lhes em cima. Nojo

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Sou só eu ou os anúncios da Old Spice que passam na rádio são, no mínimo, irritantes?

Help?

Estou preocupada porque na consulta a pediatra disse que o pirata está com o complexo de édipo a 200%. Disse para não pressionarmos ou forçarmos o que quer que fosse. Que era normal. Que a coisa ia ao sítio. E tal e coiso. Mas o miúdo está a modos que apaixonado por mim. Compete com o pai. E eu não sei muito bem o que é suposto fazer. Alguém me pode dar umas dicas? É que eu afasto-me uns milímetros e só o vejo em pânico. E há que conbvir que é bom ser amada mas caramba, menos????

Estamos reduzidos a isto

O fim-de-semana foi passado nas amoreiras, nomeadamente no escorrega e no carro do noddy, no colombo, na zona infantil, no saldanha residence, a subir e a descer escadas rolantes e a entrar e a sair dos elevadores. Tudo para a criança se distrair. Se cansar. Estar feliz. E não apanhar frio.

(é a decadência)

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Consulta dos 2 anos

A partir do momento em que a médica começou a tentar observá-lo, chorou, berrou, esperneou, gritou, chamou mãe e pai, disse "abre a porta" até ao final... foi de loucos. fez chichi 3 vezes. mesmo. Todo ele estava encarnado. Todo ele eram lágrimas. Todo ele tremia. Um exagero. Mas ele tem mesmo medo.

(Fora isso tenho 14,750 kg de gente, com percentil 90, 90 cm percentil 75)
(complexo de édipo no seu máximo)
(uma forte concorrência com o pai)
(uma personalidade vincada, birras no seu exponente quase máximo)
(8 dentes, apenas)
(só quer rua)
(conta até 20, sabe as letras todas)
(é anti-social mas farta-se de brincar sozinho e puxa os pais a toda a hora para guerra de almofadas, avião nas pernas, carrinhos, ruca, bola,....)


(precisa de escola mas a pediatra diz que até aos 3 se leva bem)
Medo!!!!!!!!!!!!!