sexta-feira, 13 de maio de 2011

portugal no seu melhor só mais uma vez

qual a juíza que absolve alguém, neste caso um médico psiquiatra, por violar uma paciente grávida de 34 semanas. Parece que agarrar-lhe os cabelos e obrigá-la a fazer sexo oral não é tão grave assim.

3 comentários:

semi-nomada disse...

O que me faz mais impressão é que seja um mulher a absolver uma situação destas.
A este propósito, aconselho-te a leres isto
http://www.semcompromisso.com/2011/05/boquiaberto-ou-do-perigo-de-se-ser.html

Ana disse...

Quando vi esta noticia também fiquei em choque!

Histórias Soltas disse...

entao nesse caso o conhecido violador de telheiras esta preso pq? ah por roubar pq sexo oral n e crime(qd é obrigar a outra pessoa a fazer..) se o tipo sabe ainda pede uma indemnizaçao ao estado pelo tempo q esteve preso lolol