terça-feira, 17 de maio de 2011

Porreiro pá

Fui almoçar com uma amiga. Entro e ela diz "estás a precisar de apanhar sol"

(o puto agora voltou à fase do "dormir antes da meia-noite não dá gozo" e andamos a medir forças com ele)

3 comentários:

Helena Barreta disse...

Da minha experiência sei que nessas "batalhas" com eles ficamos sempre a perder.

Trinca disse...

Olá Rita,

Peço desculpa de me meter, mas queria apenas fazer uma pergunta, vocês têm rotinas? O "pirata" vai para a cama sempre à mesma hora, todos os dias, aconteça o que acontecer?

Eu explico o porquê da pergunta. É que as rotinas para dormir e comer, estabelecem um padrão de comportamento nas crianças, ou seja, depois de uns tempos com essa rotina, ela torna-se intrínseca, chega aquela hora e eles já sabem que tem de ir para a cama.
As rotinas, dão segurança aos bebés, porque tudo para eles até aos 4/5 anos é novidade, são aprendizagens, dai o fazer sempre da mesma maneira em alguns momentos do dia lhes confere segurança e independência.
Não quer dizer que depois não haja um dia por outro que não chorem ou não custe mais a adormecer, mas são dias esporádicos, são dias de excepção.

Deixo este comentário porque, tenho acompanhado o "sofrimento" com as más noites do vosso bebé, e não posso deixar de partilhar a minha boa experiência, porque contam-se pelos dedos das mãos as más noites que o meu Niquinho me deu.

Desde muito bebé, que introduzimos o conceito das rotinas de horários,almoço entre 0 12h00 e 13h00, sesta entre 13h e 14h até ele acordar, banho entre as 19h00 e as 19h30 e jantar entre as 19h30 e as 19h45, dormir às 21h00.

Tenho consciencia que no primeiro ano e meio de vida do João que viviamos muito presos para qualquer outro programa, mas hoje em dia essas rotinas não implicam que saiamos imensas vezes e que nesses dias os horários não fiquem trocados, mas em grande maioria tentamos coordenar as saídas com as rotinas.
Por exemplo se saímos, tentamos fazer a viagem logo a seguir ao almoço ou ao jantar, para que ele adormeça, and so on, a verdade é que por sistema às 21h30 já adormeceu no quartinho sozinho e dorme a noite toda.

Sei perfeitamente que cada criança é uma criança e que as diferenças delas justificam totalmente o dormir bem de umas e o não dormir de outras.
Mas como acredito piamente que as rotinas fazem a diferença, deixei este comentário.

Um beijinho,
Boa Sorte,
Trinca

PS:Desculpa o atrevimento!!! Mas achei que podia ajudar.

Rita disse...

Trinca, claro que não levo a mal! Até agradeço! Mas de facto este também tem rotinas. Como está em casa, até às 10h está a pé (normalmente 09h30). Almoça sempre às 12h30/13. Dorme a sesta a seguir. Lancha às 16h/16h30. Toma banho às 19h30/20h e janta logo a seguir. O dormir foi sempre variando. Anda há uns 3 dias a fazer isto de não querer ficar e em vez de se deitar às 22h e tal, como tem sido, acaba por ficar lá para a meia-noite. São mesmo fases... desde muito pequeno que os sonos dele, à noite, foram conturbados. E conheço muitos casais com o mesmo "problema" do que eu. Digo problema entre aspas porque ele depois dorme toda a noite. Umas vezes ainda vem p a nossa cama a meio da noite, outras faz seguido na dele. enfim, não há um padrão. é como tudo. aos 18 m n tem dentes. conheço miúdos c 18m q já os têm todos... cada caso é um caso :) beijinho e obrigada