segunda-feira, 16 de maio de 2011

Espanhois

A propósito de um evento de "barquinhos" que está a decorrer em Cascais, este semana, temos tido vários espanhois a ligar para o escritório. Uma vez que grande parte da equipa está destacada e que eu sou das poucas que ficou, porque não ter hora de saída em Cascais durante uma semana e com um filho, e especialmente nestas condições, não dá, sobra para mim. Atendo e os c"$%& dos gajos insistem em falar apenas e unicamente na língua deles, não fazendo um c#"$%$% de um esforço. Dei por mim a dizer "não percebo o que está a dizer", "pois não entendo", "não falo espanhol".

nota: adoro espanha, adoro espanhois, adorei morar lá. Mas esta mania que têm de esperar que os outros os entendam deixa-me nervosa, irritada, vá!

3 comentários:

Juanna disse...

É complexo, Rita. A sério que é. Eu falo com eles todos os dias e eles odeiam este sentimento de saber que não sabem falar mais nada que o espanhol. Sabem que são burros e insistem que basta com falar espanhol, embora desesperem cada vez que saem de Espanha.

Anónimo disse...

E com razão...apoiado...gostei da S/ resposta...um esforço pelo menos não lhe ficaria mal.

Isis disse...

Eu faço isso com os franceses. Que prepotência!!