quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Apadoporopo fapalarpar porpor cópódipigospos

A RTP Memória agora passa todos os dias, às 21h30, episódios do "Verão Azul". Já não é a mesma emoção mas ainda dá um certo gozo. Ontem os miúdos fizeram todos greve para mostrarem aos pais que não podem simplesmente negar-lhes coisas sem uma justificação plausível. Primeiro começaram por greve da fala. Depois limitavam-se a responder com um "talvez" a tudo. E, por fim, diziam as palavras todas ao contrário. Provocaram a ira aos pais. Uns apanharam "na tromba". Mas nem por isso desistiram. Isto faz-me lembrar a linguagem dos "pês" que eu partilhava com o meu irmão gémeo e a minha mãe ficava à nora.

6 comentários:

aVidaDaCastanha disse...

Lá por casa temos visto... é giro recordar os velhos tempos em que ia a correr para casa ver o Verão Azul e tudo parava á volta!!:) Os miudos tinham outras brincadeiras, hoje as series são de outro género os desenhos animados também... enfim estou a ficar velha e com dificuldade em aceitar esta juventude muito á frente!! ;);)

BlueAngel disse...

"a lo mejor"--->>> não sei se é assim que se escreve, mas é dos episódios que mais gostei dessa grande série :-)

Juanna disse...

É assim que se escreve, sim. A lo mejor é um "vai na volta" portinhol :)

Continuo a preferir dar uma explicação mínima à minha filha quando lhe proíbo algo, mas nada de alongar a coisa porque eu não lhe estou a pedir nada, estou a ordenar. E às vezes, quando ela se arma em sabichona, termino com um "porque eu assim o digo". Só não sou capaz, nunca fui, de lhe dizer "porque eu é que mando e tu aqui não tens quereres".

Helena Barreta disse...

A linguagem dos "pês", o que me foi lembrar. Falávamos assim na escola e quanto mais os professores desatinavam, mais a malta ria. Tinha a idade que tem agora o meu filho.

Bom fim de semana

um beijinho

CAP CRÉUS disse...

Eu vi ontem!
A Beatriz tornou-se Mulher :-)

Carla disse...

Lololol. Os meus sogros falam a lingua do "pês", começaram a falar qd o meu marido e a minha cunhada eram pequeninos e a conversa não era para os ouvidos deles. Agoram falam todos e é ver-me a mim e ao meu cunhado a apanhar do ar, :) mas eu já ando a fazer o curso, ate pq acho uma boa solução, para varias situações.