segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Só mesmo em Portugal

Batata a (tentar) votar "bom dia, aqui tem o meu cartão de cidadão e o meu cartão de eleitor".
Senhora da mesa: "hummmm" "hummm" (olha para o cartão olha para a que está sentada ao seu lado coça a cabeça) "não consta, dirija-se à fila para saber o seu número" (fila interminável cujas pessoas tinham ar de desespero. inclusivamente, muitos desistiram)

Decido não ir para fila nenhuma. Ligo a uma amiga "vê-me lá aí na net o meu número, sff". Fui até ao colombo efectuar uma troca com mamãe e fazer tempo. sms da amiga "sistema em baixo" "não encontro" "dá erro".

De saída do CComercial, outro sms "achei! o número é XXXX".

Estou perto da escola. Fui e votei.

(mas acho tudo isto incrivelmente absurdo! Deviam ter publicitado mais esta questão, eu não fazia puto ideia! Mesmo! E vejo telejornais! E hoje fui à junta de freguesia "ah, agora não há cartão, tem de decorar o número. Whatt??? Daqui até às próximas eleições, onde já estará o dito...)
(e fala-se tanto em magalhães e camandros e o sistema digital do cartão do cidadão que deveria dar para ler e saber o número de eleitor que não está escrito "por lapso", ficou onde???)
(ainda enviei sms para o 3838 mas resposta nem vê-la...)
(eu sei que estamos sempre a dizer mal, mas caramba há alguma coisa que funcione?)

7 comentários:

Mamã do Príncipe Pipoca disse...

Aconteceu-me o mesmo mas tive a sorte de haver uma alminha com portátil na mesa de voto para onde fui recambiada. É mesmo uma vergonha e não se admite que tal aconteça, parece de pais de 3.º mundo. Mesmo assim hoje ficámos a saber que houve muita gente que não conseguiu mesmo votar...nem sei como estas eleições podem ser legitimas. Eu também não tive conhecimento de que os números de eleitores tinham sido alterados e levei o antigo na boa fé. A mim deram-me o conselho de escrever o n.º com caneta de acetato no C.U., Enfim, tanta tecnologia para acabar a escrever números com caneta de acetato...

BlueAngel disse...

Se o sistema estivesse informatizado poderíamos, com o cartão +unico, votar em qualquer parte do país. E foi para isso que criaram ste sistema; acontece que nem o sistema está informatizado nem existem leitores do cartão nos locais próprios. Eu, por exemplo, abstive-me pq onde estava era demasiado longe da minha mesa de voto e não +podia mesmo deslocar-me 300 kms até pq economicamente não compensa. :-(((

CAP CRÉUS disse...

Pois...Enviei 3 sms, nada. Fui à net nada...liguei para o número de telefone, nada.
Só às 18 tive o número de eleitor nas mãos!
E a besta responsável ainda disse na rádio que a culpa era nossa!
Sim, sim!

Joao Manuel disse...

por estas e outras não entro nessas "modernices" em que todos "embarcam" ...
Agora e a propósito também gostava de saber porque não são considerados os votos brancos e nulos (7% do universo eleitoral ...) para a contagem de votos, obrigando desse modo o Cavaco a segunda volta (se é da percentagem de votos EXPRESSOS que saem os números porque não são considerados estes "votos expressos" do mesmo modo que os outros ???)

conceicaobarreta disse...

Pois aconteceu-me precisamente o mesmo,porque tratei do cartão de cidadão,«olhe não está cá o seu nome ,não mudou de morada?Vá ali ao gabinete de apoio(tudo na rua uma fila enorme e frio muito frio)e não fiquei na fila fui à escola ao pé de minha casa,4 pessoas apoio ao cliente«então não lhe deram o número?Mas deviam ter dado põe os dados no computador,é este o número15928,quer que aponte?E lá fui,por amor de deus,é o simplex,é mas é o tanas,tristeza é o que é,ai o cartão único serve para tudo pois tá bem e ainda pensei não vou barafustar como me apetece porque estas pessoas estão aqui por carolice e não têm culpa,afinal estão a ganhar 70 e tal euros num dia,what?????? À pois é carolice!!!tá bem..

Anónimo disse...

se foi pra ires votar no Cavaco, mais valia teres ficado em casa!...

Rita disse...

oh anonimo, s veio aqui apenas para ser mal educado, mais valia n ter vindo, ok?