quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Desisto

Não há volta a dar... esta noite acordou "n" vezes a pedir chucha e afins e às 6 e pouco emborcou 200 de leite e não quis dormir mais (o pai veio com ele para a sala e ele adormecia. Quando o punha na cama não queria. São tão manhosos!).

(Ninguém merece)
(e agora está ali feito um lorde: 22h30 bebeu 200 de leite, pensámos nós que ficou a dormir e de repente começamos a ouvi-lo a chamar. Ignorámos, ignorámos, ignorámos... Fomos lá. Estava de pé na cama, virado para a porta, aos saltos)
(oh f$%&-se)

4 comentários:

diafeliz disse...

Os bébés tb têem preocupações ou julgas o quê?
Agora a sério, se ele sai a alguns familiares que eu conheço mt bem , bem te podes preparar para o pores já a fazer exercício físico daquele bem extenuante, mas não antes de deitar pq isso às vezes funciona ao contrário.Vai apanhando por aí alguns truques de quem tenha experiência .

Helena Barreta disse...

Eles resistem, lutam contra o sono. É que a vida está fora da cama, a dormir não aprendem nada, são uns amores e sabem melhor do que ninguém levar-nos à certa.

Bom fim de semana

Juanna disse...

Acabo de ler um livro maravilhoso chamado "Duermete niño" e essa cena de acordar a meio da noite é perfeitamente educável. Acredita, segui o livro e funcionou "de maravilla".

Juanna disse...

P.S - Obviamente que há sempre dias em que não há manual que nos valha, os putos não são robots.