sexta-feira, 29 de outubro de 2010

1 ano de Gui (para os pais babados, belinha e gonçalo)

"vi um menino com um piano
no céu da minha cabeça
veio de tão longe só para me pedir
que nunca o esqueça
vinha a tocar o seu piano
como só nos sonhos pode ser
por entre as nuvens e as estrelas
apareceu quando me viu adormecer

ficou sentado perto de mim
onde mora a fantasia
quis-lhe tocar mas não se pode ter
a noite a iluminar o dia
soprou devagarinho uma estrela
que se acendeu na sua mão
disse-me: podes sempre vê-la
se souberes soprá-la no teu coração

vi um menino com um piano
a despedir-se de mim
com uma nuvem fez o mar e partiu
(nos sonhos pode ser assim)
disse-me: está a nascer o dia
vou pra onde a noite se esconder
volto com a primeira estrela
para tu nunca teres medo ao escurecer"
(Mafalda Veiga)

(porque há um ano atrás estavam a viver o dia mais feliz das vossas vidas. porque tal como esta letra reflecte o sonho de uma criança, também desejo que o Gui tenha muitos e bons sonhos pela vida fora. porque o ideal seria que o "tempo pudesse parar, quando tudo em nós se precipita e quando a vida nos desgarra os sentidos", parar naquele momento em que te puseram o Gui nos braços, Belinha, e choraste como nunca pensaste, e como diria Fernando Pessoa, e bem, "Minhas mesmas emoções, são coisas que me acontecem", que é como quem diz, só mesmo tu sabes o que sentiste e o que viveste e o que passaste nesse dia. e porque tenho tido o privilégio de acompanhar de perto todas as novidades. e porque ter um filho é coisa única. e porque vos amo de coração. e porque sou uma lamechas com os "meus". fica a minha forma simples de dar os parabéns ao gui pelo seu primeiro aniversário, porque é precisamente nessas coisas que reside a maior felicidade. gosto de vocês daqui até à lua (com volta incluída, pois claro).

(parece que foi ontem que escrevi isto)

Sem comentários: