sexta-feira, 16 de abril de 2010

E a saga continua


Ora bem. Batata doce. Cenoura. Abóbora. Alface. Cara feia. Cuspidela. Baba pela cara toda. Quero que se lixe. À fome não há-de morrer. O batato diz que sou uma mãe nazi, mas juro que com a sopa não sou. Dei umas 10 colheres, se tanto. Outras tantas de banana. E adeus e um queijo. Isto às 13h. Às 16h30 virou um biberão de 210ml. Tá feito. Não nos vamos chatear por meia dúzia de tostões.

2 comentários:

Joao Manuel disse...

Vai "experimentando" as várias sopas até que ele "diga": "esta gosto !!! ..." "aquela não 'gramo' !!! ..." "cenoura sim ... abóbora não ..."

A mamã da Beatriz... disse...

Pensamento positivo: hoje 10, amanhã 11, no outro dia até pode só comer 6! Nem em todas as refeições nós comemos a mesma quantidade... Tentadar o almoço ou jantar uma meia hora mais tarde... às vezes pode correr bem...
Bjos