quinta-feira, 25 de setembro de 2008

O Segredo

Em conversa com uma amiga, dei por mim a receber ensinamentos retirados do famoso livro "O Segredo". Que se queremos alguma coisa, temos de pensar que de facto vai acontecer, por exemplo, queremos conseguir determinado trabalho, temos de pensar que já é nosso. Passar à porta das instalações e dizer "é para aqui que vou trabalhar". Se esperamos uma resposta pós entrevista, devemos (se realmente acreditarmos) dizer "é hoje que me vão ligar". Parece que se chama a "Visualização".

Hoje à noite tenho um jantar de gajas e vou esmifrar essa minha amiga e a irmã, porque de facto tudo isto me parece um tanto ao quanto estranho... quero saber tudo. Alguém já leu? Vale a pena? O que aprenderam? O que consideram mais importante?

Aguardo respostas!

13 comentários:

Clara disse...

Não li.
Suponho que funcione como um entretém, não vai mudar nada, mas pelo menos enquanto pensamos positivamente sentimo-nos bem e vamos pensando em estratégias para alcançar o tal trabalho.
A quantidade de pessoas que deseja e visualiza casar com o George Clooney, por explo, se a coisa se realizasse...

Inesa disse...

Quanto ao livro não o li mas, pelo que me explicaram, a lógica é a do pensamento positivo. E nisso eu acredito com todas as minhas forças.
Claro que o objectivo não é "visualizar" um casamento de sonho com o Clooney (bem que gostava), há que "visualizar" o alcansável.
Estou sempre a dizer, e acho que é verdade, que pensamento positivo atrai coisas positivas.
E num fundo o "Segredo" é esse!
A verdade é que para a mentalidade pequenina e pessimista dos portugueses isto é algo difícil de interiorizar!

Inesa disse...

Ah... e ligaram ou não ligaram hoje?!

cipereira disse...

Li o livro e não me arrependo. De facto, bem resumidinho, a ideia é acreditar e ter sempre pensamento positivo. Vale a pena ler, principalmente nos momentos em que deixamos de acreditar!

Paula disse...

Ainda não o li mas, acho que se só pensarmos e não agirmos, não vamos a lado nenhum!
Temos de ter sempre pensamento positivo! Mas acompanhado de acções!
:)
Bjs!

nix disse...

Para resultar, em vez de "é para aqui que vou trabalhar", deves dizer "eu trabalho aqui"...
o universo dá-te tudo o que quiseres, mas se não fores bem especifica, só lá trabalhas no ano 2050 lol

Se pensares que queres uma coisa, o universo dá-te exactamente isso, o desejo de querer algo...
Por outro lado, se pensares/disseres que já tens/és uma coisa, o universo assume a tua verdade, boa?

bjs

Party Girl disse...

Eu ainda não li, mas algumas coisas colocadas em práticas podem tornar-se meio doentias, sei lá! Um dia ouvi que, depois de ler esse livro, uma mulher decidiu que queria arranjar o par ideal, então começou a agir como se ele lá vivesse em casa. Colocava dois pratos na mesa, arranjava espaço na máquina de lavar para roupa de dois... freak, not???

Kitty Fane disse...

Já li diagonalmente. O livro não faz milagres, mas ajuda a que se fique mais positiva em relação às coisas. A valorizar e a acreditar nas coisas boas, e a não valorizar tanto as más. É certo que há ali muita banha da cobra, mas a mim ajudou-me. Eu aconselho. :-)

Claudia disse...

Não li. Mas por akilo k me disseram o k conta é mm ter o pensamento positivo para conseguirmos alcançar os nossos objectivos. Será k funciona com a Euribor? :)

Maria Manuela disse...

Não li mas conto comprar em breve até para poder falar...

vodkat disse...

Vale a pena ler o livro porque traz muito optimismo. Mas, (há sempre um mas) para uma pessoa realmente acreditar naquilo e não querendo insultar quem o faz, é preciso ser-se muito psicopata. Porque, exemplo do livro, uma mulher queria o homem dos seus sonhos, então começou a pôr mesa para dois, a deixar espaço para outro carro estacionar na garagem e a dormir só de um lado da cama...e puff!! Lá apareceu o Princípe. Outro exemplo é de alguém que quando recebe contas para pagar, acrescenta zeros e pula de alegria a pensar que são cheques!! Quer dizer...preciso de dizer mais alguma coisa?

Eu sei que estes podem ser exemplos extremos, mas então será que se acreditarmos menos do que isso as coisas acontecem? Num sei não...

Dani disse...

Vou tentar com o euro milhoes ;) Depois digo qualquer coisa

Ana disse...

Já li e é basicamente o que já aqui foi dito. A base de tudo é o pensamento positivo.
Eu acho, sinceramente, que enquanto o andamos a ler e durante algum tempo depois, aquelas teorias ficam-nos ali a martelar na cabeça... mas depois voltamos a acordar para a vidinha real e qual "segredo" qual quê...

Bjocas