quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Revolta

"O presidente da Comissão Episcopal da Mobilidade Humana disse hoje, em Fátima, temer 'uma certa xenofobia junto da população portuguesa' para com os imigrantes, devido ao assalto ao balcão do Banco Espírito Santo (BES), em Lisboa." (in Público)

Xenofobia? Qual foi a parte que ainda não perceberam de que o assalto foi a burrice do século??? Uma sucursal onde não se fazem depósitos em dinheiro, junto ao Palácio da Justiça e do Estabelecimento Prisional, numa zona altamente movimentada de Lisboa, é mesmo a pedirem um tiro nos cornos.

Brasileiro, preto, cigano, caucasiano, indiano, que diferença faz? FORAM BURROS!

E depois, ainda há quem vá deixar flores na sucursal em causa com um recado a dizer que o assaltante só foi alvejado fatalmente por ser brasileiro. Oh senhores, ganhem juizo. Por mim o outro também podia ter morrido. Se fosse de outra qualquer raça, incluindo a minha, o sentimento seria o mesmo.

Haja pachorra para a igreja católica que anda sempre com teorias da batata e cheia de moralidade...

3 comentários:

Party Girl disse...

Concordo... aliás num mundo só existem duas raças: os decentes e os indecentes... e digo mais: o mundo é dos espertos e não dos burros, como estes dois indivíduos mostraram ser e muito...

A Saltarica (Fraldinha)... disse...

Ao que tenho lido por aqui, se fossem teorias da batata, seriam teorias muito melhores que essas hipocrisias, não acha miss batata? :-)

Fuzhong! disse...

Ah Ah! Nem mais!