sábado, 3 de novembro de 2007

Pior seria impossível!


"Corrupção" é o nome do pior filme português, de todos os tempos. Outra coisa não seria de esperar, mas a batata fez questão de ir ver para crer. E valeu-lhe umas boas gargalhadas... pelo ridículo! Apenas e somente!


Especial atenção para:


- o facto de todos os actores parecerem mortos-vivos, facto derivado da quantidade exacerbada de base e pó de arroz que lhes puseram na cara;

- o pé do Nicolau Breyner parecer o pé do Shrek (sem ofensa para o boneco mais mimoso dos filmes animados da actualidade).

- a Margarida Vilanova, que despida tem um corpo de fazer inveja. A verdade tem de ser dita! (mas não consigo simpatizar com a rapariga... associo-a ao ar arrogante que apresenta no filme);

- a péssima capacidade que os nossos actores têm para parecer verdadeiros mafiosos... não têm classe e parecem mais uns porcos nojentos (vá lá, essa parte conseguiram...);

- algo semelhante a um "copy paste" de um filme pornográfico, puro e duro, no momento em que TENTARAM retratar a vida dos árbitros embrulhados com verdadeiras bardajonas (esta parte também conseguiram, que m-e-d-o);

- o facto de quem não conhecer a história de Carolina Salgado (essa putéfia maléfica) com Pinto da Costa (esse porco ressabiado), não perceber patavina do filme.


Resumindo:


NÃO VALE OS 5.40 €, NEM AQUI NEM NA CHINA.


(e quanto ao lema "manda quem pode, obedece quem tem juízo", meu caro João Botelho, essa foi a parte que mais interessava e que ficou completamente esquecida! SHAME ON YOU!)

3 comentários:

Kitty disse...

Eu não ia ver esse filme nem com o convite do George Clooney para ir ver o filme. :-D

E O Nicolau Breyner semi-nu deve ser a coisa mais assustadora do mundo não?? :-D

Quanto à Margarida Vila Nova, sei de fonte segura que é mesmo a coisinha mais arrogante e com mais mania.

Little Jordan disse...

mau, mau, mesmo muito mau!
Valeu pela companhia e pelas gargalhadas...
ps. tive pesadelos com as maminhas do nic brey... ;)

Psyhawk disse...

A margarida é uma querida, para quem quer saber, pois por motivos profissionais até se priva com esta gente de quando em quando. Quanto ao filme, á medida que escrevem mal, vou ficando cada vez mais curioso...é que também quero escrever mal. LOL