sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Mariza

O concerto ontem foi EXCEPCIONAL. Arrepiante, atrevo-me a dizer. Mariza, para quem conhece, é detentora de uma voz fora de série. De uma presença vibrante e contagiante. O Pavilhão Atlântico estava à pinha, chegou-me aos ouvidos que esgotou. Não dúvido. Tive pena que a anfitriã não desse mais o ar da sua graça, mas afinal de contas era "Mariza e amigos". E o Ivan Lins, o Carlos do Carmo e o Rui Veloso (os que gostei mais) conseguiram colar-me à cadeira (fora as vezes que me levantei para aplaudir). Gostei. Amei. Delirei. E não estou a exagerar. E já diz o outro "por morrer uma andorinha não se acaba a Primavera" ou "os amantes infelizes deviam ter coragem de seguir outro caminho". E sim, não tem nada a ver.

6 comentários:

Inesa disse...

Ainda não encontrei mas vou encontrar. E nessa altura terás de a ouvir em repeat!!!

Anónimo disse...

e eu em casa cheia de inveja :(

bjs
sandra
http://www.src-porquesim.blogspot.com/

Dudu disse...

Tive muita pena de não ir, ainda passei pelo site do pavilhão atlântico, mas já não havia bilhetes...o que vi hoje na Tv. deu para arrepiar...é bom quando os portugueses prestigiam os seus, é caso para dizer: O que é nacional é muito bom!!

Anónimo disse...

Ola!!!

Já vi três concertos da Mariza e no final sai assim... Maravilhada e sempre à espera do próximo. O último que vi, no Porto, foi esplêndido. Arrepiante. Ontem, como não pude ir a Lisboa, ouvi em directo na Antena 1. Não é a mesma coisa, mas deu para ficar, menos triste por não estar no Pavilhão Atlântico!

Beijoca
(sedutorasilusoes (A)

Kitty disse...

Foi LINDO!!! ADOREI. :-)

MysterOn disse...

De fafcto foi bom!

(talvez tenha sido amigos a mais, mas pronto já sabia ao que ia ;)