quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Portugal no seu melhor

Há umas duas semanas, a batata foi com umas amigas às compras ali para os lados da Guerra Junqueiro. Chegou a casa com dois pares de botas e mais umas coisinhas. Passados uns dias, a batata resolve estrear um dos pares recém-comprados. Levantar, tomar banho, vestir e pensar radiante "hoje vou arrasar com a bela da bota". Calça-se nas calmas, dá umas voltas pela casa e eis que se apercebe que algo não está a bater certo. Senta-se. Olha para os pés. Investiga. Et Voilá. Touché! As duas botas eram do MESMO pé. Dois 38's do pé direito. Raiva. Desilusão. Tristeza.

Hoje a batata trouxe o carro para o trabalho para lá poder ir na hora do almoço. E assim foi. Carro parado em segunda fila, com quatro piscas e eis que começa a saga. "Mas como é que isto foi acontecer?", pergunta a dona da loja às empregadas. Olham umas para as outras como se não fosse nada com elas. "Alguém terá comprado os pés esquerdos destas botas...", afirma a tia dona da loja. Fez-se luz, duh!! "O problema é que até agora ainda ninguém veio cá reclamar e não temos mais nenhumas iguais, nem em preto", acrescenta ainda a velha. "Olhe, das duas uma, ou me dão as botas como deve ser ou me devolvem o dinheiro. Até porque eu não ia querer nenhumas botas pretas". Para melhorar a coisa, resolvem fazer a devolução via MB. Sendo que a máquina era nova, toca de quatro seres começarem a ler as instruções da dita. Carro da batata em segunda fila. Batata na hora do almoço. A cara de "ou se despacham ou parto esta merda toda". 30 minutos depois, nada. "Dona Fernanda, posso ir levantar e depois paga-me", diz uma das empregadas para a patroa. "Qual quê! Não pode cá passar noutro dia?" diz-me. "Minha senhora, se vim cá hoje e já me fez transtorno, não tenciono voltar a fazê-lo, pelo que quero ver a situação resolvida agora", respondo. "Ok, então passo-lhe um cheque. Isto não se faz, mas não tenho alternativa". "Pois, também não se vendem dois sapatos do mesmo pé, não lhe parece?".

E a batata seguiu o seu caminho... DE CHEQUE NA MÃO!

Está tudo bebêdo ou quê?

8 comentários:

Capitão-Mor disse...

Os custos do consumismo! LOL!

Whitesoul disse...

a la ber se o cheque não é careca :p

Inesa disse...

E não ficaram com o teu número??? A pessoa que comprou o outro para há-de aparecer a reclamara!!!
As botas são um must! Valem a pena lá voltares!
I.

Party Girl disse...

ahahahahha, só a ti para te acontecerem estas cenas maradas!!!

Inesa disse...

Estou com um problema qualquer... excesso de A's (para em vez de par, reclamara em vez de reclamar...). Oh God!
Deve ser de ser sexta!
I.

kika maria disse...

não sei onde é que andas a comprar as tuas botas....???

Rita disse...

comprei as botas na bolina, maria kika!!! e foi o q s viu!!!

Psyhawk disse...

Já pensaste em tornar estas tuas aventuras num livro? Certamente ias ganhar mais dinheiro do que a fazer seja lá o que for...LOL. Isto é demais