quarta-feira, 26 de setembro de 2007

WC

A batata foi ao colombo e precisou de ir ao wc. Tentou um. "Em limpezas". Chegou ao segundo. "Em limpezas". A batata não quis saber e entrou na dos homens. A senhora da limpeza disse "ai menina, não vá para aí... não sabe as coisas que lhe podem acontecer. São muitas coisas". A batata pensou. Reflectiu. Pensou em multas. Em pilas. Em gajos. A batata subiu umas escadas e foi ao wc feminino alternativo.

Jogar pelo seguro sempre foi o seu forte. Ou não.

7 comentários:

abox disse...

tens lá no meu cantinho um recadinho para ti...
beijos e até breve!!!! :)

Kitty disse...

Minha querida não imaginas o que já ouvi de histórias passadas nas casas de banho masculinas do Colombo. E olha que não estou a brincar.

Mas diz que os protagonistas das histórias não querem nada com mulheres. :-)

Inesa disse...

Cá para mim a senhora enganou-se...
Os últimos boatos dizem que as casas-de-banho dos homens são perigosas, sim, mas para os homens. "Diz que" são belos lugares de engate! Acho que o mais grave que te poderia acontecer era veres alguma coisa que não quisesses!

Alf disse...

Tu nunca entres numa casa de banho de homens! Nem imaginas o que se passa lá dentro!!

Pelicano disse...

Pois eu sei de quem já vi um gajo a lavar a cabeça com o sabonete líquido no lavatório

dartacão disse...

Fazem dos homens aquilo que eles não são. coitadinhos....

Angel disse...

Pah não sei, eu cá quando preciso que se lixe, vou à dos homens. Nunca nada me aconteceu.
Pensando bem, se calhar, isso não é um elogio à minha pessoa.