segunda-feira, 12 de março de 2007

Ai se eu o apanho...

Saio do trabalho com a cabeça em água. Não ando a conseguir dar vazão a tanta coisa e a minha dor de cabeça já ia avançada. Caminho até ao carro, que ficou, como habitualmente, na rua da mami. Chego e deparo-me com a traseira do lado direito batida. Farol partido. Lateral metida para dentro. Nem um papel nem nada com o contacto do autor de tal obra de arte (sou tão ingénua...). Fico danada. Mais danada ainda. O dia não tinha sido perfeito. Mas aquilo não veio ajudar em nada...

Afinal quem foi o filho da mãe????????????????

3 comentários:

Anónimo disse...

Só sei que eu não fui.
( Nem tenho carro ).
É capaz de ter sido mulher a bater...;
(Digo eu).

Jordan disse...

Que cena, Valente :((((
As pessoas têm cá uma falta de civismo...

BlueAngel disse...

Tb já me aconteceu e mesmo à porta de casa. Tb me faz confusão a falata de educação das pessoas e a desresponsabilização dos próprios actos. Infelizmente é o país que temos.