quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

Oh Ministra, olé!

11h30 da manhã. Trabalha-se "na paz do senhor". E eis que se começa a ouvir: "Oh Ministra, olé!". No alto do 9º andar da Agência, vou à janela e vejo um bando de miúdos felizes por se terem baldado às aulas, numa pseudo manifestação contra qualquer coisa que vão ter de comer, na mesma. Em tempos idos, no meu 10º ano (há mais de 10 anos... que depressão...), também andei por ali a gritar contra as provas globais, mas nem por isso deixei de as fazer. Era tudo uma forma de fugir do liceu. De estar com os colegas. De dizer disparates.

Ai como eu era feliz ; ) (será que podem gritar um pouco mais baixo? Gostava de conseguir trabalhar... )

6 comentários:

Capitão-Mor disse...

Ainda existe disso? mas temos que confessar que existiram protestos completamente imbecis num passado recente....

Anónimo disse...

Como é que é? "Gostava de conseguir trabalhar"??? Isto é só novidades lolol

A amiga da batata frita

Belita disse...

Eeheheh, eu ainda sou do tempo da prova de aferixão (ai, acho que nem se escreve assim) e garanto-te que conseguimos cortar o cruzamento dos 4 caminhos durante um dia inteiro... para protestarmos pelo fim destas provas... mas tb as fiz na mesma... ehehehe...

Absolutmartim disse...

Pestanas:

Há 10 anos entrei eu para a Universidade. Há 13 andei eu a mandar vir na rua por causa das provas globais. Realmente tinha piada faltar às aulas e ir para a 5 de Outubro fazer barulho...

13 anos depois moro eu mm ao lado do Ministério da educação...

felizmente que às 11.30 já não estava aí...senão era balões de água com guache (é assim que se escreve??) lá pó meio dos 'putos'.

Os tempos realmente mudam...

Saci Pererê disse...

Vejo que não muda nada em Portugal.
Como o problema não é nosso porquê respeitar quem protesta pelo que seja?
A minha pergunta sería, há 10 anos atrás baldavam-se para protestar, hoje em dia porque lutarão vocês?

Boa sorte a todos

Sara disse...

Eu também andei na manif das provas globais! O ridículo é que já estava no 11º e não as ia apanhar de qualquer maneira :))

Beijinhos amiga