segunda-feira, 14 de agosto de 2006

Dia do borreganço e devaneios...

Hoje o o dia deo borreganço. Andava cansada de morte. Mal dormida. Doente. Enfim... acordei às 4 da tarde. Fiquei no dorme acorda até às 5 e tal e depois é que resolvi sair. E devo dizer-vos que não foi nada fácil... quanto mais dormia mais sono tinha, uma praga!!

Casa da Rita foi o destino. Conversa aqui, conversa ali, fomos ao Vasco da Gama. A questão prende-se com um casamento que tenho já no próximo sábado e cujo top me falta para fazer conjunto com a saia. A minha mãe anda a avisar-me há semanas. Mas eu acho sempre que tenho tempo de sobra. Que tenho sempre razão. Não vale a pena. O que é facto é que no dito centro comercial comprei tudo menos o que realmente necessito. Não por falta de procura mas porque de facto não há nada de jeito... Estou bem lixada!!

Sendo que amanhã rumo ao algarve para o aniversário do amigo caracol e volto na terça ao fim do dia, restam-me quarta, quinta e sexta para arranjar um top maravilhoso para poder vestir e brilhar.

De repente tudo e todos resolvem casar e quem se lixa é o mexilhão que ainda agora saiu de uma relação. Por falar nisso, fez hoje um mês. E como hoje em dia TUDO se comemora: PARABÉNS A MIM, PARABÉNS A TI, PARABÉNS A NÓS!!!! Que a vida nos sorria!!

Com tanto devaneio, estou meio perdida... Domingo rumo de novo ao algarve, mas desta vez por duas longas semanas. Vai ser bom poder não fazer nada. (ainda fazer menos do que faço actualmente!!).

E o badameco que não chega... snif... (chegouuuuuu, até amanhã ; )

2 comentários:

Ana disse...

Então, parabens para ti, a vocês! Se há coisas que tambem se deve comemorar, como tu dizes...olha, que tenha sido para melhor!Conformarmo-nos com certas coisas e manter um espírito sempre 2em alta" é a melhor solução!

Beijocas

rita disse...

que saga senhores! que saga!!!

e precisas mesmo do saco vermelho?

beijos