quinta-feira, 6 de julho de 2006

Devaneio

Em conversa com um ex-colega de liceu fala-se do que cada um faz da vida. Da casa que ele comprou com a namorada. Do que os amigos comuns andam a fazer. O rumo que a vida tomou. E num instante apercebo-me que 10 anos passaram a voar. Que ontem vivia aquele que achava ser o amor da minha vida e hoje sei que ele se casa dentro de muito pouco tempo. Porque a vida é mesmo assim. Não pára. E escorrega-nos por entre os dedos das mãos. E dos pés. E a felicidade está mesmo aqui à frente dos narizes. E é só agarrá-la. Aos momentos que nos deixam os olhos a brilhar. E custa pensar que o tempo nos foge de maneira cruel. E sentir que não vivemos tanto quanto poderiamos. E vou mas é dormir porque amanhã às 07h30 estou a pé. E a vida não espera por nós. Temos de correr atrás. E acaba-se aqui este devaneio.

3 comentários:

rita disse...

como digo tantas vezes: a felicidade está na palma da mão...

um beijo enorme!

Lipa disse...

O tempo escapa-se entre os dedos sem dar-mos por ele...
E o melhor mesmo é aproveitar-mos tudo!!!

Beijinhos

Rituxa disse...

A vida passa a correr mas as recordações ficam para sempre... o que é bom!
Beijinhos