quarta-feira, 8 de fevereiro de 2006

Ai mato mato

Já passa da uma da manhã. Há 24 horas atrás estava eu no Hospital de Santa Maria. Urgências, esse belo local para se estar numa noite de frio... O meu namorado, ao chegar a casa depois do jantar, foi abordado por um preto que lhe pediu a carteira e o telemóvel. Eu teria dado logo, é um facto. Mas eu sou eu. O Pipo disse que não tinha nada. Seguiu o seu caminho (que era apenas entrar no prédio...). O preto insistiu e não se ficando resolveu espetar-lhe uma faca nas costas.

Minha gente, foi o susto da vida. Quando ele chegou cá acima. A bater na porta feita louco e a tocar a campainha como se fosse o portão de uma quinta. Quando o vi o meu mau feitio que diz "tem lá calma" ficou logo por ali... fiquei de todas as cores. As mãos e as costas e a camisa estavam todas cobertas de sangue. Fiquei nervosa. Senti que ia desmaiar. Mas não serviria de muito... Liguei para o INEM. Veio a polícia, a ambulância e o raio que o parta. Fui de carro atrás do tinoni que não fez tinoni porque os senhores não acharam que a situação fosse assim de muita gravidade.

Umas quantas horas de espera. Ele lá dentro com a minha mãe e a mãe dele. Eu cá fora com o pai dele e o meu irmão gémeo. Vimos de tudo. Velhotas caquéticas a chegar. Um que se lesionou a jogar futebol. Outro com hipertensão. Um filme. E o que eu odeio hospitais.

Felizmente a facada não atingiu nenhum orgão. Foi por um triz. Lá fez análises, radiografias, foi cosido e tudo o mais. Está em casa de repouso.

E se eu apanho o filho da puta do preto que lhe fez isto mato-o.

17 comentários:

Anónimo disse...

PRETO DUM CABRÃO!!! Passar-lhe com o carro por cima. Tentando não sujar muito o carro. Era encontrá-lo e dar-lhe o remédio santo.

Sinhó disse...

Rita,ainda bem q n foi mais grave e q o Pipo tá melhor. Tu n matas nd! Acho q já aprendeste q às xs mais vale n sermos heróis. Tu vais é prometer q passas a ter muito cuidadinho nesse pequeno trajecto q fazes tds os dias e q se te pedirem dás td e mais alguma coisa...

Sinhó disse...

Rita,ainda bem q n foi mais grave e q o Pipo tá melhor. Tu n matas nd! Acho q já aprendeste q às xs mais vale n sermos heróis. Tu vais é prometer q passas a ter muito cuidadinho nesse pequeno trajecto q fazes tds os dias e q se te pedirem dás td e mais alguma coisa...

roque disse...

fdx... isso... dá-se tudo e deixamos o nosso país ser controlado... aliás... porque não damos as nossas casas também? Continuem contra a pena de morte...

As melhoras Pipo.

Anónimo disse...

É por isso que odeio pretos! Não me venham dizer que é feio ser racista! Feio é esses gajos virem para a nossa terra e fazerem merdas dessas! São MAUS, têm mau fundo ponto final!

As melhoras do Pipo!

a retratada disse...

Porra!!! Dasse, qualquer dia estamos igual ao Brasil!!!
As melhoras para o teu menino!
Beijinhos ;)

charlotte disse...

Tem calma, Rita, que as vezes o odio não resolve nada...
O importante é que nao foi nada de grave, valeu foi mesmo o susto.
Beijocas grandes para o menino Pipo :)))

abox disse...

que horror!!!!!!!!!!! agora arrepiei-me!!!! por favor... que angustia não?
ainda bem q ele está bem!!
beijinhos grandes!!

Sinhó disse...

N é uma questão de dar TD nem de cobardia, mas achas q é a Rita com os seus super poderes q lhes pode fazer frente?

CV disse...

eu fiquei chocada ao ouvir essa história, ainda para mais pq vivi na tua casa mais de 6 meses e como tal, não pude deixar de pensar "e se tivesse sido comigo ou com o meu irmão?"

eu acho q ñ deves pensar nisso agora cada vez que fores entrar em casa. não deixar que isso condicione a tua vida. pq no fundo acho q o Pipo teve azar. estava no sítio errado à hora errada. ñ acho q essa zona seja má, só pq vivem uns mitras em frente. são gente pobre e sem posses, não necessariamente gente má e com sangue frio para espetar uma faca nas costas de uma pessoa.

para tudo na vida é preciso sorte, quer seja para ganhar o Euromilhões, quer seja p não se cruzar com esse tipo de pessoas.

imagina se ele tivesse chegado 1 minuto depois ou se estivesse alguém a sair do prédio?? sei lá podes imaginar tanta coisa q podia ter acontecido para evitar o q aconteceu. como ele dar a carteira e o tlml, por exemplo ;)

mas no fundo, dps do azar até teve sorte e o que interessa agora é q está bem... e pelo q percebi, não ficou afectado psicologicamente, que é o mais importante, pelo que se o tal sr. preto se cruzar com ele outra vez e lhe pedir o tlml e a carteira, o Pipo é homem para lhe dar dois murros na tromba, antes dele conseguir sacar da faca...

JM disse...

a culpa é da MTV...

Furadinho disse...

Primeiro de tudo, quero agradecer a todos pelo apoio que me deram e pelas palavras de encorajamento.

Vou tentar explicar mais ou menos com tudo aconteceu e o que eu penso disto tudo.

Eram umas 10h da noite estava eu a chegar a casa no meu belo Lupo Gti, estavam uns gajos a por panfeletos nos carros, estavam também a passar uns xungas do bairro da frente, mas nada de especial.
Sai do carro e fui para a porta do predio, levava na mao um saco com ropa e outras coisas.
Assim que chego a porta do predio, sinto uma pessoa a passar por tras de mim e a mudar subitamente de direcção. Virei-me e tinha a minha frente um mestiço a apontar-me uma faca e a dizer: "da-me o dinheiro e o tlm rápido".
Eu continuei calmo e disse que não tinha nada, ao dizer isto ele tenta chegar ao meu bolso, ao que eu reaji tirando a mao dele para tras.
Ele entretando tenta ameçar-me mais mostrando outra faca, que eu não vi bem. Isto tudo se foi passando com ele sempre na defensiva e eu sem fazer grandes movimentos, até que decidi entrar no prédio.
Tinha a chave na mão e rapidamnete a pos na fechadura, a bbri a porta, mas em vez de puxar a porta empurrei, volto a meter a chave e volto abrir a porta. Ele ao preceber que eu ia mesmo embora envia a faca nas minhas costas e foge logo.

Eu aprecebi-me logo que tinha sido esfaqueado, subi rapidamente, toquei a porta e assim que entrei tirei a roupa e começei a fazer pressão sobre a frida.

Felizmente não foi grave, passou perto dos pulmões, mas ficou por ai.

Sobre isto tudo, se tive medo ? Não, mantive-me sempre calmo, pois ele tinha uma atitude de assustado e pouco agressiva. Erro, demorei muito tempo a abrir a porta, e fiquei muito tempo de costas voltadas para ele.

Acho que se eu lhe tivesse dado as coisas seria, mais um isentivo para ele continuar a vir ali para assaltar, acho que ele proprio deve estar com medo de voltar ali.

Claro que apartir de agora vou ter mais atenção ao ir para casa, mas não vou deixar de fazer a minha vidinha.

Se ele voltar a aparecer, pode ser que ele tenha uma surpressa ;)

Obrigado a todos pelo apoio.

Pipo o "Furadinho"

Anónimo disse...

"Eu aprecebi-me logo que tinha sido esfaqueado"...não te "aprecebeste", mas sim "apercebeste". Aliás, estranho era se NÃO te tivesses apercebido... segundo se diz, e a menos que morra no mesmo instante, qualquer pessoa que leve uma facada se apercebe disso!

Maffa disse...

F......!!!!
Que horror!!
Nunca pensei que isso podesse acontecer assim de repente. Tipo toda a gente que conheço já foi assaltada pelo menos uma vez, mas ameaçada talvez com uma faca... Nunca levar uma facada. As melhoras furadinho!
Sabes, cá para mim nao há compreensao nenhuma para uma pessoa nojenta que fez uma coisa dessas! Nao venham cá com liçoes como a VC dizer que sao pessoas que nao têm oportunidade e coiso e tal. Enfiar uma faca pelas costas de alguém é imperdoável e injustificável. E aposto que ele se está a rir e a dizer que para a próxima tu vais mas é dar a carteira e o telemóvel à primeira... Sei que ódio nao ajuda nada mas é o único sentimento que isto me provoca.
Mas a atitude compreensiva a atitudes desta mete-me nojo.
As melhoras!

nana disse...

Puxa... nem sei o que dizer!
Espero que o Pipo esteja melhor... pelo que escreveu parece que sobreviveu a esta. Ufa!
beijinhos

Pipo disse...

Anonimo: primeiro, obrigado, pela correcção, segundo, para tua informação, quando a faca entra tu não sentes nada! Só passado alguns minutos é que se começa a sentir alguma dor.Senti foi o sangue quente a escorrer pelas costas.O impacto da faca é parecido com um murro.

"Segundo se diz..." Eu digo-te que não se percebe logo. fica aqui a informação de alguém que já foi esfaqueado.

Hugo disse...

Ok, estou absolutamente abismado. Estou contente por estares bem, Pipo e calculo que tenha sido um enorme susto para ti Ritinha... mas acho que a nossa cidade está cada vez mais estranha. O pior é que se fizeres queixa na polícia vão tratar-te tipo como se tu foisses o criminoso: falo por experIência quando há cinco anos me roubaram de puxão a carteira e ia ficando deitado dentro de um autocarro. Mas enfim. Fico feliz por tudo estar bem Um beijinho rita...e porta-te bem Pipo!