sexta-feira, 27 de maio de 2005

Lagartos ao sol

Hoje esteve um autêntico dia de praia. Saímos de Lisboa rumo a Sta Cruz por volta das 2 da tarde. Lá para as 4, um pouco antes alvez, rumámos à praia. (ainda fomos a casa deixar as coisas) O mar estava calminho para o habitual, o pipo fartou-se de mergulhar, parecia um miúdo. Eu limitei-me a molhar os pés : ) Se não fossem umas nuvenzitas chatas que vieram para nos tirar o sol, então teria sido excelente!

Cheguei a casa e depois do banho (já após uns banhos de sol (passo a redundância...) na relva e muito borreganço) olhei-me ao espelho e constatei que fiquei mais bronzeada na cara. Não sei como... foi muito pouco tempo ao sol... mas eu já devia saber que estas praias (Sta cruz, praia grande, ericeira, peniche...) nos dão um bronze que vale a pena : )

Adoro mesmo esta vidinha de "dolce fare niente". Fui feita para isto ; ) Oh se fui..........

1º amor

Alguém me disse (sinceramente não me recordo quem foi) que o 1º amor dura uma vida inteira, acham que é verdade? Está lançada a pergunta...

quinta-feira, 26 de maio de 2005

Nostalgias

No outro dia, em conversa, lembrei-me das séries de televisão que via em família, em autênticos serões familiares. Eram momentos sagrados cá em casa e bem divertidos!

"Uma Família às Direitas" (com o archie : ), "Quem Sai aos Seus", "Alf", "Hitchcok", "O Justiceiro", "Um Anjo na Terra" e muito mais faziam as delícias dos "Valentes". Há quanto tempo não fazemos serões desses em frente a uma televisão... aliás, cá em casa já ninguém assiste muito a essa "caixinha mágica", exceptuando talvez as notícias, futebol e algumas séries do AXN (Serviço de Urgências, por exemplo).

Se formos mais longe, fico cheia de saudades dos tempos em que jogava ao spectrum com os meus manos, ao subutteo, brincava com eles à playmobil, jogava ao "guelas" no corredor, brincava à cabra cega, vibrávamos na altura do México 86, que até a caderneta tinhamos, de ir para o estádio universitário jogar à bola, brincar com o meu lima-limão, fazer piqueninques, dormir na casa das amigas, ir às festinhas de aniversário, ir à piscina do Hotel atlântico, da excitação do Natal, dos presentes, dos meus avós que vinham de Faro para estar connosco, das férias em Vale de Lobo, das termas de São pedro do sul (na altura nós diziamos que n gostávamos daquilo), dos meus espectáculos de ballet no São Luis (na altura também já etsava farta daquilo)... e de tanta coisa!!

É giro recordar. É pena não poder repetir tudo de novo.

segunda-feira, 23 de maio de 2005

Surreal

A propósito de uma revista especial sobre receitas vegetarianas, a administração pede para informar que os doces não fazem parte do tipo de alimentação dos vegetarianos.

Se a burrice pagasse impostos, estes senhores teriam de vender a empresa para conseguirem pagar a dívida...

Resultado: a revista vai ser só com receitas que tenham vegetais. É para verem até onde vai a mente e inteligência desta gente... Chego à conclusão que eu aqui (des)aprendo cada vez mais. Medo.................

Olha o sorriso!!

Amanhã vou trabalhar com um mega sorriso!

Benfica é campeão!! Já não restam dúvidas!! Os tripeiros que se mentalizem e se deixem de falta de civismos!! (cambada de gente estúpida, quem viu as imagens na TV percebe... mas eles sabem lá o que significa civismo...)

Esta semana são só 3 dias de trabalho (5ª é feriado e meti a Sexta de férias). Para ajudar à festa, na Segunda também não trabalho: o Pipo faz anos e meti o dia : )

O Fim-de-semana foi muito "agradável" : ) Sexta jantar com uns amigos do Pipo, no Montijo. Sábado acordar tarde. Ir conhecer a casa nova da Cláudia (adorei mesmo!! é linda!!!!) e rumar ao jantar de anos da Inês. Bairro Alto. Deitar tarde, acordar tarde. Matar saudades do baguito. Receber muitos sorrisos e gargalhadas do bébé mais bonito do mundo. Sentir o cheirinho. O abracinho. E não querer largá-lo nunca mais... Rumar ao restaurante onde se iria ver o glorioso sagrar-se campeão! Muitos petiscos e muita festa! Rumar ao marquês para partilhar a festa com os demais benfiquistas! Estar com as amigas em mais uma festa!! Rir a bom rir!!

No meio disto tudo, receber um telefonema de uma amiga "aflita" a contar que acordou e na estrada em frente à janela do seu quarto estar escrito "INÊS AMO-TE", sem qualquer assinatura ou identificação. É um gesto bonito, há que dizê-lo... mas sem se saber quem foi é que se torna um pouco triste... Oh anónimo, desvenda lá o mistério!!

Muito mimo, muito namoro, muito cafuné, muito dengosice (esta palavra existe?).

Quando é que chega Quinta-feira mesmo???...

sábado, 21 de maio de 2005

Tenho frio...


...porque já me convenci que é Verão e visto-me com uns tops meio
descapotáveis...

chuif...

sexta-feira, 20 de maio de 2005

Aqui vão as respostas

Toma lá Mário

Qual o último filme que viste no cinema?
- O "Uma boa companhia", com a Scarlet Joahnson. Fui com o meu amigo Bernas : )

Qual a tua sessão preferida?
- Estou indecisa entre a das 19h e a das 21h, e não me apetece ter de escolher. Fico com as duas :P.

Qual o primeiro filme que te fascinou?
- Não me recordo, mas quando era pequenina lembro-me de ter ido ver a turminha da Mónica com a minha mãe e uma amiga. Segundo dizem. delirei...

Para que filme gostarias de te ver transportado(a)?
- A minha vida já é emocionante suficiente ; ) Filme melhor não existe, heheheh!!

E já agora, qual a personagem de filme que gostarias de conhecer um dia?
- Personagem? O E.T. (só me recordo dele a dizer "E.T. phone home" com aquela voz de fazer chorar as pedras das calçada, chuif). Ou um gremlin, na fase boazinha. (sempre sonhei ter um gremlin em peluche, chuif...). Já me calei... : )

E que actor(actriz)/realizador(a)/argumentista/produtor(a) gostarias de convidar para jantar?
- Convidava para jantar: actriz - Uma Thurman ou Julia Roberts. actor - Jack nicholson, Robert De Niro, Al Pacino ou (e se fosse vivo) Marlon Brando.

Agora passo este questionário à Inês, à Frasco e à Jordan. Amanhem-se!!


FUIIIIIIIIIIIIIIIII

quarta-feira, 18 de maio de 2005

Obrigada

pelo fim-de-semana passado. Foi tudo o que eu esperava... e muito mais! Calmo, simples e apaixonado.

Ah, e viva o Benfica!!!!!!!! : )))))))))))))))))))))))))) (valeu a pena vir a Lisboa e voltar)

Quando repetimos?

A tua felicidade...

...é a minha felicidade.... Muitos parabéns à mais recente proprietária deste país!!!!

AMIGUINHA, eu sei como este passo era importante para ti e por isso estou tão ou mais feliz do que tu por ver tamanho objectivo concretizado!!!!!

ÉS A MAIOR!!! NÃO DEIXES QUE TE FAÇAM CRER O CONTRÁRIO!!! NUNCA!!!

Um brinde à nossa amizade de quase 15 anos : ))))))))

segunda-feira, 16 de maio de 2005

Há loucos para tudo...

É de loucos isto de ir para uma "eterna" fila de um estádio para conseguir comprar um bilhete de futebol. Quando percebi que o meu irmão gémeo era um desses loucos, fiquei seriamente preocupada...
Uma noite destas estou eu a preparar-me para dormir e está o Pedro ao telefone com os amigos a combinar os "turnos": "eu vou para lá às 5 da manhã até às 8h30, hora a que tens de lá estar". Eu sabia que ele e os amigos eram mesmo apaixonados pelos Sporting, mas nunca os imaginei a fazer isto. Eram uns 30, cada um deu 100 euros (ao que parece os bilhetes iam dos 25 euros aos 100, e estavam preparados para pagar os mais caros).
Resultado: o mano foi trabalhar no dia seguinte, todos conseguiram bilhetes, a 25 euros cada e estão possessos, só a falar daquilo. Confesso que os admiro. Não era capaz de ir dormir para um estádio... a única vez que me levantei de madrugada para ir para uma fila, fui obrigada. Foi nos tempos de faculdade, nos dois últimos anos, em que a escolha das cadeiras opcionais era por ordem de chegada. Era a loucura. A ganância. Tudo pelas melhores cadeiras. Só me lembro de chegar à faculdade e ver os meus colegas todos a jogar à bola no meio do pátio... surreal... há loucos para tudo, MESMO!!

Cansaço...

Tenho andado atarefada na realização de um artigo. Trabalho que requer muita pesquisa e telefonemas para as diversas Câmaras de todo o país - Continente e Ilhas. Ora, na Sexta-feira estou eu mergulhada nos "n" contactos via telefone, onde o discurso era sempre o mesmo: "Estou sim, muito boa tarde, seria possível ligar-me ao gabinete de imprensa, por favor?". Blá blá blá, explicar quem sou e o que pretendo... ao fim de uns 30 telefonemas, precisei de ligar para as informações para saber um número de telefone... a senhora atende e eu digo "Estou sim, muito boa tarde, seria possível ligar-me ao gabinete de imprensa?", ao que a senhora muito delicadamente me pergunta "mas quer o número de um gabinete de imprensa?" e eu, que continuava na minha, respondo: "não, se puder reencaminhar-me logo a chamada eu agradecia". Bem, a senhora manteve a pose, mas devia estar toda contente com a minha figura... só me disse "mas está a ligar para as informações...". Podem não acreditar, mas só quando ela disse isto é que me apercebi do que se estava a passar. Até ali aquilo parecia-me uma conversa perfeitamente normal... Só pude mesmo pedir imensas desculpas, pensar muito rápido qual o número que eu pretendia e pedir com muita delicadeza...
Digam lá o que disserem, há alturas no trabalho em que vale mais fazer uma pausa de 5 minutos do que querer fazer tudo na perfeição e perceber que o cansaço se apossou de nós... foi o meu caso...

quinta-feira, 12 de maio de 2005

Para si

Ok, confesso que lhe chamei monga quando me disseram que se esqueceu do telemóvel em Benavente. Se me conhece minimamente, sabe que sou brincalhona. Que fiz por "picá-lo". E sim, sei muito bem que o máximo de que se esquece é mesmo do telefone. A cabeça está sempre por cima dos ombros (...). Blá blá....

Deixemo-nos de balelas. Gosto muito de si. Das suas brincadeiras, das suas conversas, da nossa cumplicidade. Já estava na altura de escrever um post a dizer-lhe isto. Quando estou consigo tenho que lhe dar luta, fazer-lhe frente e responder à altura. É disso que eu gosto. Nada que me impeça de o admirar e gostar de si. Qaunto mais não seja porque me faz rir. : )) É bem disposto e é isso que se quer hoje em dia: gente divertida, com humor e sempre pronta a soltar uma gargalhada. Mesmo quando os tempos não se avizinham fáceis.

Qualquer dia empresto-lhe a minha "latinha" para dar uma voltinha. Vai ver como fica a adorar o pequeno Micra ; ) Não negue à partida um carro que desconhece ; )))

beijinho

Superstição

Amanhã é Sexta-feira 13. Cada vez que digo isto a alguém a resposta é sempre a mesma: "e depois? achas que se houver azar só te vai calhar a ti?" ou "uhh, se calhar não saías de casa...". É frustrante... considero-me uma pessoa minimamente inteligente e depois tenho este ponto fraco que é ser supersticiosa. Mega supersticiosa, digo antes. A ideia é levar o dia de amanhã como outro qualquer, que é na realidade. Mas só o facto de pensar nisto já me torna burra e ignorante. Ninguém no seu perfeito juízo se incomoda com uma sexta-feira 13... certo?

Pelo sim pelo não, vou torcer para que só aconteçam coisas boas, ou menos más, ou banais. Tudo menos más. Porque depois vou andar a dizer "pois, eu sabia, este dia só podia trazer azar"... eu sei que isto é uma idiotice pegada... desculpem qualquer coisinha...

terça-feira, 10 de maio de 2005

Dificuldades...

DIFÍCIL NÃO É ENCONTRAR ALGUÉM COM QUEM SE QUEIRA DORMIR, DIFÍCIL MESMO É ENCONTRAR ALGUÉM COM QUEM SE QUEIRA ACORDAR!

Apesar da veracidade desta afirmação, posso dizer que sei bem com quem gosto de acordar e dormir e rir e chorar e tudo e tudo e tudo. : ))))))) E vocês???

segunda-feira, 9 de maio de 2005

Realmente...

Hoje, ao dirigir-me para o trabalho, deparo-me, logo à saída da 2ª Circular/entrada na IC 19, com uma mega fila de trânsito. Nada mais nada menos do que 1 hora literalmente parada. Razão: acidente na saída para Alfragide. Consequência: tudo parado na 2ª circular, desde o aeroporto até Alfragide. Quase que adormeci ao volante. Cheguei ao trabalho às 10h30. Não me pagam o tempo que não trabalhei e ainda ouvi: "a solução é fazeres tempo extra para completares as 35 horas semanais". Ora, eu tenho lá culpa que se dêem acidentes? Que a empresa onde trabalho fique na ponta oposta da minha casa? A próxima política da casa será, com toda a certeza, contratar única e exclusivamente, pessoas que morem na linha de Sintra. Assim, já ninguém se atrasa. Devem achar que quando se fica no trânsito parado se tira muito partido do sucedido... devem devem... à pala desta brincadeira ainda resolvi não sair para almoçar, ir apenas à cantina, já que assim não teria de picar o ponto para sair. assim parece menos mal... (sou muito estúpida realmente...). Ainda dei 15 minutos à casa e fiz contas para ver se até ao fim da semana consigo compensar o atraso. Isto é surreal.. E o pior é que eu e tantos outros alinhamos nestas coisas... E se, por mero acaso, tenho o azar de me atrasar mais vezes durante esta semana? É o escândalo...

Portanto, se eu for despedida nos próximos tempos por justa causa, será por este tipo de situações... E ESTOU A FALAR A SÉRIO!...

domingo, 8 de maio de 2005

Domingo...

... foi na piscina desde bem cedo!! Ah pois é bébés, nada como estar no meio do "nada", rodeada de pinheiros, ouvir os pássaros e passar o dia sem olhar para o relógio. O meu foi assim : ) Obrigada a quem de direito ; ) (estamos formais, oh se estamos!)


Image hosted by Photobucket.com

Verão

Caminhar descalça na relva

Sentir o cheiro da pele no fim de um dia de praia

Dormir quase nua, só com o lençol a cobrir

Assistir a uma trovoada de verão

Ter a sensação de que o tempo passa mais devagar

Viver uma paixão de verão

Sentir a areia quente entre os dedos dos pés

Passar horas numa esplanada

Adormecer numa rede

Ter dias grandes e noites quentes

Ter a cidade quase só para nós

Quase não usar maquilhagem e ainda assim estar com um ar maravilhoso

Comer uma suculenta fatia de melancia

Fazer amor à luz da lua

Dar um beijo na boca debaixo de água

Perdermo-nos num campo de girassois

Ir à praia às 6 da tarde, depois do trabalho, só para dar um mergulho

Depois de um banho de mar, deitar na toalha e sentir o calor do sol na pele e as gotas de sal nos lábios

Deitar numa duna e ficar a adivinhar desenhos nas nuvens

Fazer o pino na areia e depois dentro de água

Rumar com as amigas para fora da cidade durante os fins-de-semana

Ouvir na praia "é frutóo chocolate!!!"

Ir à praia pode ser uma odisseia...

Pois pode! Pelo menos ontem assemelhou-se muito...
Acordei cedo para um Sábado (10h30), fui com dois amigos, bebi belos sumos de morango, uma tosta de frango e refastelei-me na areia como há muito não fazia. Até aqui tudo bem. Mas atrás de nós (mesmo a um palmo) estavam duas meninas de raça negra dos seus 13 e 15/16 anos, respectivamente, deitadas nas suas toalhas. Isto também não tem mal nenhum, não fossem estar rodeadas por um "enxame" de miúdos na idade de descobrir o sexo...aquilo era uma miscelânia de raças: ciganos, pretos e brancos. Tudo dos seus 14/15/16 anos. Era uma verdadeira competição para ver quem conseguia "comer" a menina mais velha. A mais nova estava toda encolhida, com sorrisos ingénuos e tímidos, sem saber muito bem o que fazer para não mostrar o seu desconforto. Entretanto já um dos rapazitos estava deitadinho na toalha ao lado da pretinha... e já se podia constatar que estavam bem entretidos naquilo a que chamamos "curte". (ao mesmo tempo que os restantes gozavam, riam, diziam piadinhas e até fotos tiravam ao casal que se beijava como se não existisse amanhã - coisas típicas de miúdos daquelas idades). A seguir o rapazito saiu da toalha e nem 5 mintos depois já lá estava outro - desta vez de raça cigana. E pronto, lá conseguiu que a menina cedesse/resistisse aos seus encantos (?). Lá curtiram. Desta vez sairam todos de perto e deixaram os dois bem à vontade... quando o ciganito se foi embora o outro que lá tinha estado voltou e disse à jovem "o que é que fizeste ao Zé, que saiu daqui com um ar todo feliz?". Ao que ela respondeu "ao menos ele sabe o que faz". Ora toma!!! (nada que impedisse que este rapaz voltasse a atacar e a curtir com a menina). Foi um "uma vez tu uma vez eu" que me chocou. Comentei mesmo com as pessoas que estavam comigo que depois admiram-se que as miúdas apareçam grávidas e sejam mães tão cedo...

Para não falar da mais jovenzita que, por momentos, se ausentou com todos e quando voltou vinha a apertar e a ajeitar o biquini, parte de cima... com aproximadamente 13 anos... pude ainda assistir às duas a atenderem uma chamada no tlm, possivelmente de um dos progenitores, e combinarem, entre risos, dizerem que estavam as duas sózinhas na praia. (enquanto mandavam o "enxame" calar-se)

Fomos embora e aquilo continuou... fiquei com pena delas...

sábado, 7 de maio de 2005

Coração quentinho

Quando o SCP passou à final da Taça UEFA, na semana que passou, recebi uma série de sms's de amigos felizes pelo acontecimento e outros tantos telefonemas. Os meus amigos queriam que fosse com eles "beber um copo", comemorar, estar com eles. Não fui, porque era tarde e trabalhava no dia seguinte, mas fico sempre mais do que feliz quando, nestes momentos, amigos de longa de data e que não vejo sempre, se lembram de mim. O coração fica sempre quentinho. Os olhos brilhantes. E dorme-se sempre melhor.

Big mistake

Hoje passei pela humilhação de chorar na redacção. Por sorte, consegui disfarçar e só duas pessoas me "apanharam". Se me perguntam porque fiquei assim, respondo que tinha o coração apertado, a cabeça a explodir e as lágrimas a pedir para cair. Apenas e somente isto. Nada relacionado com trabalho. Nada relacionado com ninguém. Algo meu. Dei por mim a ter vergonha, a esconder-me, a pensar "ai se alguém me vê".
Mas afinal qual é o grande crime que está implicito neste acto?? O ser humano tem mesmo tendência para ser sempre o forte, o grande, o invencível, aquele que não sofre. Acho que sou assim: guardo e tenho sempre um sorriso. Big Mistake...

Há dias...

... em que o melhor seria ter ficado a dormir. Assim não corria o risco de ter de passar por situações e sensações indesejáveis.

Hoje foi um deles.

quarta-feira, 4 de maio de 2005

1º dia de massagens

Pois é, foi hoje : ) !!!! Uma hora inteirinha resfastelada enquanto umas máquinas trabalhavam o meu corpo por mim. O sonho de qualquer mulher. Não mexer uma palha e ter um corpinho todo torneadinho (eheh, até me rio com as palavras que uso, lol, surreal!!).

Saí da empresa tal e qual uma Fittipaldi (ou uma Prost ou o que quiserem) e "voei" pela IC 19 fora até à Duque D'ávila. Cheguei 15 minutos antes. Sou a maior. Vesti o belo do biquini velho (que me mandaram levar para usar durante as sessões), calcei o belo do chinelito oferecido pelas meninas do centro e vesti o roupão igualmente oferecido. E tungas, daí para a frente não fiz nada de nada. Não mexi um neurónio. Fiz uma sessão de meia hora de cromoterapia (segundo elas, algo que estímula os músculos e adelgaça as partes mais flácidas - e nós dizemos que acreditamos ; ) Senti a zona da barriga, pernas, michelins e afins cheios de formigueiros/pequenos choques. E estive assim durante 30 minutos inteiros. Li a bela da revista e lembrei-me dos filme sou das novelas em que as dondocas fazem estes coisas todos os dias. (é uma canseira...). (desculpem lá se faço parte daquele grupo a que um dia chamaram plebe...) Ok, não me dispersando, a seguir fiz 30 minutos de sauna. Esta muito mas muito à frente. Estamos deitadas enroladas numa "manta" de plástico ligada a uma máquina que deita um calor insuportável... foi uma meia hora em que fui escorregando por ali abaixo até não aguentar mais! Toda eu escorria suor. Oh larilas!!

Estão todos chocados, imagino. Mas só mesmo experimentando é que dá para perceber. E depois estou numa sala com umas oito mulheres de todos os tipos e feitios, mas para um mesmo objectivo: ficarmos ainda mais esbeltas!! Cada uma na sua "caminha", com a sua massagem, uns olhares cúmplices, outros mais mesquinhos ("ah, és mais gorda que eu, ora toma!")... e um final de dia sempre revigorante. Eu saí de lá a pensar "bolas, amanhã tenho ginástica de novo!"... sim, porque isso já envolve mexer o corpinho...

Sou adepta do dolce fare niente, and so what????????????????????? Mas só vos digo: este cansaço ao fim da noite é simplesmente maravilhoso : )

5 meses no dia 8 : )

Image hosted by Photobucket.com


Image hosted by Photobucket.com

terça-feira, 3 de maio de 2005

Começo a chatear-me porque...

... agora lá na empresa as pessoas (e não são uma ou duas...) olham para mim e ficam muito espantadas: "ah, estás diferente... quase irreconhecível. Pintaste o cabelo? Está escuro...".

Epá, vejam se percebem de uma vez por todas que a minha cor de cabelo é mesmo esta. Dantes é que tinha umas madeixas mais claras. Mas caramba, daí a estar irreconhecível... MANQUEM-SE!!!!

Fui ao ginásio! Eu! Surreal!

Nunca fui uma desportista nata. Sempre preferi o borreganço, o dolce fare niente e nunca houve assim um desporto que realmente me atraisse. Fiz ballet durante 7 anos, mas não considero esta modalidade um desporto com d maiúsculo...

Hoje, graças aos "michelins" que teimam em saltar para fora das camisolas, fui ao ginásio. Escusado será dizer que ia morrendo. Ou se calhar morri e ninguém me avisou... O instrutor não nos deu descanso (sim, porque fui com a Lé, julgam que ia fazer o frete sozinha???). Eu escorria suor. E, se horas antes dizia à minha amiga "toalha, para quê toalha? deixa-te disso!", naquele momento desejei mais do que tudo poder ter uma à mão. (já está uma dentro da mochila, burra uma vez, mas não burra duas!!) Ele foi bicicleta, ele foi step, ele foi abdominais, ele foi desespero... nunca pensei sofrer tanto. E era como dizia um que por lá andava "se não fizermos isto com gosto então é muito pior". E não é assim com tudo na vida? Bah!! Santa inteligência!!

O que me vale é que para intercalar as duas vezes por semana que vou exercitar este corpinho de texuga, faço massagens outras duas vezes. Ou seja, amanhã é dia abençoado!! Vou ser tratada tal e qual uma princesa ou uma dondoca. Não quero nem saber. Há quem gaste o dinheiro em alcool ou em tabaco... eu cuido de mim : ) Pensem o que quiserem, estou-me nas tintas.

E se no fim disto tudo o meu corpo não sofrer alterações, ao menos sei que fiz algo por mim. Que não fiquei parada. Lalalala!!