sábado, 2 de abril de 2005

O choque

No outro dia, ao chegar ao trabalho às 9h20, estou prestes a entrar no edifício e deparo-me com uma bela cena (NOT):

Uma directora qualquer (tinha acabado de estacionar o carro no sítio dos directores) saía da sua viatura e... tungas, manda uma bela de uma "escarra" para o chão, como se nada fosse. Epá, tinham de ter visto a minha cara de nojo, surpresa, espanto, choque... podem dizer que fica feio uma mulher dizer palavrões e tudo o mais. mas... cuspir/escarrar para o chão é de mais. Ultrapassa tudo... e quando digo escarrar é porque a dita fez o barulho digno de um taberneiro podre de bebedo e cheio de espectoração.

Excusado será dizer que o dia correu MUITO MELHOR... irra!!!!

4 comentários:

Psico_Pata disse...

Sim, sim...toda a gente sabe que um escarro por dia dá saúde e alegria!:P

João Pedro disse...

Não seria ela a Dona Escarreta? LOL Ou pelo menos da família?
(Bem, que belo post para me estrear nos comentários eheh!)

roque disse...

pff... se me permitem discordar da vossa repugnância para com o acto... se calhar acaba por ser menos nojento escarrar que atirar papeis ou qlqr outro tipo de lixo para o chão... francamente... voces tapam o Sol com uma peneira... e ainda digo mais... se ela mandasse uns peidinhos e arrotasse eu era gajo para lhe pedia um autógrafo. bah.

Psico_Pata disse...

O que tu queres sei eu: o Roque e a amiga!:P