sexta-feira, 25 de março de 2005

Dor de cotovelo

Hoje devo ter sido das poucas pessoas que trabalhou durante a parte da tarde. Passei a semana toda a ouvir a pergunta "trabalhas na quinta à tarde?" ao que eu, muito ingénua, respondia como se fosse óbvio "claro, julgas o quê?".

Ora, hoje às 13 horas recebi cerca de 4 mails de amigos a dizer "entrei de fim-de-semana, boa pascoa". Epá, devo confessar que "até meteu nojo". Eu ali com uma tarde inteira pela frente. E aquelas alminhas a enviarem mails para me fazerem roer de inveja. Pior, a minha mãe o o mano também só trabalharam pela manhã.

E mais, vim a saber que na segunda também há tolerância para os funcionários públicos e afins. Mas que raio... é como diz o meu amigo Sebastião "depois não querem que haja crise!". (isto não passa de dor de cotovelo...).

Às 17h30 lá me vim embora com o sentimento de injustiça MAS com o dever cumprido!

Sem comentários: