quarta-feira, 12 de janeiro de 2005

: (

Do pico da felicidade ao pico da tristeza vão apenas uns míseros segundos. Um dia de manhã acorda-se radiante ao lado da pessoa que mais se quer, no quentinho e aconchego, e no dia seguinte acorda-se e percebe-se que tudo não passou de um breve sonho. Tudo não passa de uma bela fantasia. Para quê sentir o coração quentinho, aos pulos, ter saudades do cheiro, do abraço, do sorriso de alguém? Para quê dar tudo de nós? Para quê derramar lágrimas? Para quê não dormir de noite? Estar sempre a olhar para o telemóvel, serve de alguma coisa? Há alguém que nos dê o valor merecido?

Hoje estou assim, triste, chateada com a vida, com um aperto de dor cá dentro. Desiludida com tudo, irritada por estar neste estado que não me leva a lado nenhum.

Tinha que terminar assim? Não podia ter sido de outra forma? Menos dolorosa, talvez? Enquanto as lágrimas caiem o aperto é cada vez mais forte. Não é justo. Não tinha de ter assim. Estava tudo tão bem. Quero conseguir dormir para esquecer e acordar daqui a muitos dias e bem longe desta realidade que me mata aos poucos.

Estou perdida. Atrofiada. Sem rumo. Acima de tudo, dorida e triste.

4 comentários:

ines disse...

Linda tristezas não pagam dividas e para a frente é que é caminho, como tu sempre disseste!
Aquilo que passou é passado e deve ficar morto e enterrado junto à mágoa e às lágrimas. Como a pessoa errada te disse "Tens que pensar em ti agora e ser egoísta porque tu és mais importante". Vale a pena pensar naqueles q não tem consideração por nós?
E perdida não estás porque felizmente tens muitos amigos que te adoram para te mostrarem o caminho e te emprestarem um ombro. Usa e abusa, estou cá para o que der e vier mas não te quero ver a ceder, respeita-te a ti mesmo e concentra-te no que vale a pena. Love u!

lima disse...

Ooooo... E acabou mesmo? De certeza? Não há volta a dar?... Coragem!!!!!!!!!

Jordan disse...

Oh Valente :((
Não gosto nada te ver assim... Não sei o que se passou, mas o que quer que tenha acontecido não pode e não vai deitar-te abaixo. Estou aqui para o que for preciso... e pro resto também :)!
Bjo GIGANTE e reforçado miga!

charlotte disse...

Sabes que eu não tenho muito jeito para palavras quando estas coisas acontecem.Mas aqui vai: sabes que terás sempre o meu apoio e sobretudo e mais importante a minha amizade para o que der e vier.
Sei que vais ultrapassar isto como já ultrapassaste outras situações.Não te esqueças que tens à tua volta imensas (sim,leste bem, imensas) pessoas que te adoram e te amam e que não te vão abandonar nestas situações.Às vezes é assim que sem vêem as verdadeiras amizades.
ADORO-TE MIGAAAAAAAAAA!!!!!!!!!
Beijocas grandes da loira Lézinha

(não tá nada mal, pois não? ;)