sexta-feira, 29 de outubro de 2004

quem escreveu isto mesmo?

"AQUILO QUE NAO NOS MATA, TORNA-NOS MAIS FORTES"

(...como a minha cor favorita : )

(frases destas dao-me força para algo que nao sei muito bem o que é)

(quem escreveu isto mesmo?)

sem comentários

Incrível como as pessoas sao diferentes...

Depois do post sobre tudo o que me faz falta, recebi mails de todo o género:

- Uns agradeciam a mençao do seu nome nessa tal lista
- Outros ficaram preocupados por sentirem q estou um pouco down (ja vos disse q sou masoquista?) e escreveram c palavras super queridas e encorajadoras
-Outros limitaram-se a dizer "é pena n me teres referido na tua lista"

Sem comentários...

Contador de visitantes

Um bocado ao calhas, consegui inserir um contador de visitantes no meu blog. Tenho-o desde Maio e só agora me lembrei... é pena...

AGORA TOCA A VIR CÁ, NEM Q SEJA P O Nº AUMENTAR, TÁ?????????

: )

quinta-feira, 28 de outubro de 2004

O q sinto mais falta daí...

- do cheiro da minha mae

- da minha cama, almofada, o meu canto

- da D. Maria, dos seus mimos e da sua comida

- das conversas intermináveis na sala da Inês

- de ir ao ciné, ver um DVD ou ir às compras com a Lé

- de jantar com a Cláudia no Chinês quando n nos vemos há mt tempo

- Das idas à praia, mesmo no Inverno...

- Do borreganço em casa do Pipo, dos mimos, dolce fare niente

- Dos jantares no Movies, dos hambugueres roquefort

- Dos cafés com o pessoal do liceu

- De estar com os meus amigos lá da rua

- Dos jantares em casa da Joana Vilanova

- De rir com os meus irmaos

- De estar com as Católicas

- De ir a casa do meu pai quando me dá na real gana

- De estar com a Kika, Joana, Rita e Xoninhas no Algarve...

- Dos cafés com a Johny e cuscar muito

- Das idas ao Incómodo

- Do pessoal da Impala, dos almoços, das más línguas...

- Que me chamem porta-chaves, ritolas, pulgas, brave...

And so on, and so on...


quarta-feira, 27 de outubro de 2004

Que inferno de manha (com til no "a", bosta de teclado!)

Esta manha tem sido um inferno!! Já estou farta de dizer palavroes!!

Sevilha está em alerta vermelho por causa do tempo: nao pára de chover, mas no sentido lato da palavra, a potes, com muito vento e frio à mistura. Saio de casa, depois de secar o cabelo e me agasalhar (p ver se n fico doente) e deparo-me com uma tempestade para esquecer. O meu guarda-chuva vira-se, as minhas calças ficam todas encharcadas, o meu cabelo igualmente ensopado e a minha raiva a crescer... o autocarro chega e o atrasado mental do motorista que n se deve ter apercebido que as pessoas estavam à chuva (sou tao ingénua...), parou quase 10 metros à frente do que era suposto. Excusado será dizer que tava tudo irado e a apanhar a molha da vida. Entramos e metade das pessoas só lhe chamavam nomes e ele impávido e sereno.

Chego ao meu destino e a chuva n pára. Só piso poças de água, sem alternativa possível. Espero por uma colega que nao aparece e me aumenta a raiva. Dirijo-me ao jornal e quando chego dizem-me q a dita ligou a dizer q n me via e q ia andando p a conf. imprensa. Cabra de merda! Eu estava lá! E q tal ter-me ligado em lugar d ligar p a redacçao? Teria sido mais inteligente...

Chego e sento-me na secretária onde passo as tardes (d manha está sp ocupada pelo salvador). Antes d me sentar tenho o cuidado d perguntar se ele n vem ao q me respondem"senta-te q ele n vem". Ora, ligo o computador, aconchego-me e olho para frente... e tungas, ele está a chegar. Lá me levanto, (santa paciencia!!!!) e sento-me noutro q está vago (até chegar a dona...). Procuro os óculos e esqueci-me deles em casa (fico a ler à noite e depois n os guardo na mala!!). Grrr, que mais me vai acontecer?

Hoje n está decididamente a ser um dia fácil...

Hasta luego...

terça-feira, 26 de outubro de 2004

De volta!

Cá estou eu de volta a Sevilha, após um fim-de-semana em Lisboa onde houve de tudo um pouco... jantares, discussoes, choro, almoços, encontros, cafés, e por aí fora. Devo confessar que foi um pouco mais forte do que eu esperava... mas também n interessa nada.

Cheguei à redacçao (foi o tempo d ir a casa deixar a tralha, almoçar e sair de seguida) e deram-me logo uma notícia para fazer sobre a crise da língua azul. (estilo vacas loucas... leiam os jornais!!). Admito que cheguei à minha chefe e lhe disse "dá-me trabalho senao adormeço". Ah pois é, senao ficava aqui a olhar para o ar...

Entretanto já entreguei essa e tornei a dizer "mais trabalho", lol. Já estou a fazer umas coisitas de cultura (uma espécie de breves).

Esta noite o édredon que trouxe de Portugal já vai dar-me um jeitao. O frio faz-se sentir e adoro sentir-me quentinha. Já me lembra o Natal... "Jingle bells, jingle bells, lalalalla".

Já me calei...

besos,

Rita

PS- este fim de semana rumo a terras algarvias, mesmo aqui ao lado. Vao ser uns dias calminhos na companhia do meu pai e irma mais nova. Sim, ja n vou a Lisboa... fica p uma outra vez... nem q seja em Dezembro; ) ¿vale?


quarta-feira, 20 de outubro de 2004

Cheira a outono

Estou na redacçao. Só me dao notícias de colégios inundados, pessoas encontradas mortas na rua ou cursos de aves, para redigir. Para além disso, quando acho que escrevi bem um texto, apercebo-me que afinal podia estar bem melhor e quando, ao inverso, penso que um texto está uma bela porcaria, fico contente porque afinal n estava tao mal assim... (n façam essas caras!)

Lá de fora vem um cheiro saboroso a castanhas assadas que me lembra que estamos no outono. Estou de t-shirt de mangas cavas, por irónico que pareça. Cá dentro está calor...

De manha fui a uma "rueda de prensa" sobre os gastos da igreja em 2003. Estava presente o Cardeal cá do sítio e um "monte" de padres. Foi uma bela seca. Para ajudar à festa, chovia "a potes" e o vento ia-me levando pelos ares.

À hora do almoço fui, finalmente, inscrever-me no ginásio. Amanha é o 1º dia. Vai ser bonito, vai, vai... Mas os meus "michelins" obrigam-me a tal...

O Bernardo já chegou e já se instalou lá em casa. Faz imenso desporto: foi correr já hoje, trouxe pesos e coisas próprias de ginásio para fazer exercício em casa... enfim, é magro, n tem banhas e está bem tratado. (ao contrário de mim que sou uma desleixada!)

Devo confessar que neste momento já estou na fase do olho-para-o-relogio-de-5-em-5-minutos, porque quero mesmo é ir para casa. Esta é a pior altura do dia. Quase 9 da noite e ter de estar a trabalhar...

Ontem, a propósito da vinda do nosso (querido?) presidente da republica, Jorge Sampaio, cá a Sevilha, o meu director pediu-me para ligar para o consulado de Portugal para ver se conseguia uma entrevista. Esqueceu-se foi que às 9 da noite n se liga p esse tipo de sítios... mas ok, lá liguei com o meu espanhol manhoso. Começo a explicar e o homem matou-me logo qd me disse "mira, que son las nueve de la noche!"(q é como quem diz, "manca-te pá, achas q sao horas de ligar p onde quer q seja?"). Tentei manter a pose e continuei a falar até detectar que o espanhol dele também era meio "espanholês" ou "portunhol". N fui de modos e perguntei "habla usted portugues?" ao q ele disse logo q sim. E pronto, fiquei feliz da vida e falámos em português. Quando pergunto "estou a falar com?..." e ele me responde "com o Consul principal", ia-me caindo tudo. Ia morrendo de vergonha. Fiquei sem saber onde me enfiar, o que fazer... a minha sorte foi que o senhor tornou-se super simpatico a partir do momento em q se viu a falar com uma conterrânea. Enfim, mas nd de entrevistas, azarito!!! (tanta merda para nada!)

Pronto, agora vou tentar sair de fininho, antes q se lembrem de me dar mais uma notícia macabra, ahhahaha!! (refilo, refilo, mas adoro!)

beijinhos,

rita









Adoro-te sempre mais

Posso te falar dos sonhos, das flores, de como a cidade cai.
Posso te falar do medo, do meu desejo, meu amor...
Posso falar da tarde que cai e aos poucos deixa ver, no céu, a lua que um dia eu te dei...

Gosto de fechar os olhos, fugir do tempo, de me perder.
Posso até perder a hora, mas já sei que já passou das 6.
Sei que nao há no mundo quem possa te dizer que nao é tua a lua que eu te dei... para brilhar por onde você for.

Me queira bem, durma bem, meu amor...



estou tao farta deste mau tempo q me deixa mal humorada

A chuva cai... e eu estou fechada na redacçao

O q se vê da janela da redacçao onde trabalho, aqui em Sevilha (astilleros sao estaleiros)

só predios...e um ceu cinzento e feio

A vista da janela da sala lá de casa (num dia triste, chuvoso e ventoso..)

terça-feira, 19 de outubro de 2004


no bar "las colunas" (o chico de verde é o namorado da Su q veio de visita)

a MJ a tocar piano (qd me armei em mitra e pedi ao senhor p a deixar tocar)

na carboneria, oléeeeeeeeee

La comida española, nham (eu já sonho com o bacalhau da D. Maria...)

nos meus anos

hahahah, um puto espanhol. (o pior é q a maioria sao tds assim)

eu e a filipa matos, q esteve de visita à sua mana, num fim de semana

Os assaltos sao tantos q ja chegam a este ponto...

a claudita qd ca esteve : ) ( e eu c uma caña na mao...)

vcs n têm noçao da altura do andres...

eu e uns hungaros, de novoooooooo

num dos jantarecos

Eu, o meu tlm e los hungaros

No comments ; )

Uma crítica a um baiiro de lata cá do sítio, Las Vegas

las copas...

: )

no bairro judeu

...

a catedral

: )

Uma catrefada de fotos de sevilla, so para voces!!!

segunda-feira, 18 de outubro de 2004


Eu na disco Catedral : )

Last but not least, o menino do nosso grupo (o bernardo so chega amanha), Helder : ) (uma autentica fada do lar)

Eu e inesita : )

Jô e Su, grandes malucas!!

eu e Juanita, que se fue a Lisboa para hacer el programa contacto : ( TE ECHO DE MENOS MENINA!

Eva, "la hungara" : )

O famoso António, colega de redacçao (e se querem saber mais vao ao post que fala dele... procurem! se sou apanhada estou frita!!)

...mais sala...

A sala...

q vontade de ir p casa...

: )

O meu quarto em Sevilha, pequenito mas muito acolhedor!!

Chove em Sevilha

Nao é só em Lisboa que chove (o Bernardo fez o favor de me enviar via mail 2 fotos de como está o tempo por aí...). Por aqui acabam de começar a cair as primeiars pingas... bem fortes, por sinal!!

Saio de casa, pela manha, e sou logo abordada por um senhor testemunha de geová. Eu mereço... eles andam por todo o lado, estilo os senhores "qué fror?". O pior foi mesmo continuar a minha caminhada e logo ser abordada, desta vez pela mulher do senhor-testemunha-de-geová... td pq eu disse "tu amigo ya hablo comigo" e a velhota me respondeu "es mi marido". Oh caraças, eles andam em família!!

Fui ver os preços de um ginásio perto de minha casa e constatei que aquilo é o Holmes Place (passo a publicidd) cá do sítio. Saí de fininho, estilo pelintra que n tem onde cair morta... é triste... odeio pobre!!

O fim de semana foi calmo, tirando no Sábado que fomos a uma disco aqui em Sevilha. Chama-se Catedral. O azar foi que apanhámos ua festa de Erasmus onde o lema era "engata o próximo...". Td menos espanhois. Td menos pessoas maiores que 21 anos. (salvo raras excepçoes). E a música era hip hop... e hip hop... ahhh, e hip hop!! Pronto, mas agora já conheço! E ja la n volto ; )

O resto do tempo foi passado na lida da casa: compras, limpeza, mudanças. Do melhor (...). Sexta fui ao ciné ver o "Antes de entardecer".. dobrado em espanhol. Uma experiência única!! heheeh!

Ontem ainda assistimos a uma procissao, de la virgen del rosario. Muito bonito. N imagino é cm será isto na feira de abril... q tem unica e exclusivamente procissoes... deve ser uma seca...digo eu...

E pronto, aderi às novas tecnologias e vou comprar uma pen drive!! Sim Pipo, já decidi ; )

E mais.. hoje fui a uma conferência de imprensa no Museu de Belas Artes, aqui em Sevilha. Conheci a Baronesa Thyssen. Meus amigos, a mulher é feita de plástico... tudo bem q foi miss mundo e q tem de manter a imagem... mas está velha, velha, e tem a cara tda cheia de plásticas. O q é certo é q andámos tds atrás dela feitos malucos!! Ainda ganhei um livro de arte. Muito interessante, por sinal! E agora estou a escrever a notícia (q é o q me dá mais gozo).

Dia 18 de Novembro vou assistir ao concerto dos The Corrs, aqui em sevilha. Para quem gosta, poderá assistir no Pav. Atlântico, dia 16 de Novembro. : )

Será que podia parar de chover? Sevilha agradecia...

Bjos a tds

Um aparte de Sevilha (para as católicas!)

Tribunal penhora gabinete do reitor da Universidade Católica

LICÍNIO LIMAO reitor da Universidade Católica Portuguesa (UCP) corre o risco de ficar sem omobiliário do seu gabinete, incluindo os óleos que retratam os seusantecessores. Todos aqueles bens encontram-se arrolados por dívidas a Maria JoséCraveiro, professora despedida da instituição sem justa causa. O Tribunal doTrabalho (TT) deu razão à docente e emitiu o título executivo. A penhora poderáser executada a qualquer momento.Ao que o DN apurou junto do TT, a professora dava aulas com contrato deexclusividade no curso de comunicação social desde 1991, no pólo de Lisboa daFaculdade de Ciências Humanas. Mas, a partir de 1999, começou a ser remunerada àhora, sem que o vínculo laboral anterior tivesse sido denunciado por uma daspartes. Segundo consta no processo, foram encetados vários esforços para que seformalizasse um acordo, sem escândalos, mas nenhuma das propostas da docenteteve resposta. Foi então que, em 2003, Maria José Craveiro decidiu avançar paraa querela jurídica.A acção judicial foi facilmente ganha. A UCP viu-se então condenada a pagartodos os ordenados em atraso, desde 1999, considerando-se que o contratoassinado naquela data permanecia em vigor, o que somou aproximadamente 100 mileuros. A professora arrolou os bens que considerou mais pertinentes penhorar àCatólica, e decidiu-se, sobretudo, pelo recheio do gabinete do reitor: osretratos a óleo dos antigos reitores (D. José Policarpo, José Bacelar e IsidroAlves) - pintados por Emília Nadal e Pinto Coelho - todo o mobiliário deescritório, peças orientais, figurinhas de terra cota, etc.A UCP recorreu da decisão judicial, mas sem que depositasse a respectiva cauçãono valor da indemnização. A acção executiva pôde assim prosseguir os trâmitesnormais, independentemente do recurso. O título executivo está emitido -conforme o DN pôde constatar no TT - faltando apenas ser cumprido. Assim, aqualquer momento, um solicitador de execução poderá surgir à porta da Católica,munido de um camião, para despejar o gabinete de Manuel Braga da Cruz.Maria José Craveiro foi durante nove anos coordenadora pedagógica do curso decomunicação social. A partir de 1999, altura em que começou a a elaborar umatese de doutoramento, reparou que deixara de ser remunerada conforme o contrato,passando a receber de acordo com o número de aulas. Simultaneamente, o currículoque leccionava foi sendo alterado, com cada vez menos horas, até que, em 2004,foi dispensada juntamente com um grupo de professores do pólo de Leiria,recentemente encerrado e onde funcionava apenas o curso de comunicação social. Ainserção naquele grupo, conforme os autos, deixou Maria José Craveiroestupefacta, já que as suas condições laborais eram diferentes. Os outrosdocente dispensados estavam a recibos verdes, o que não era o seu caso.O facto de se encontrar a fazer o doutoramento fez com que a professora seaguentasse entre 1999 e 2004 no regime de tarefeira. Agora está definitivamentefora da instituição, embora ainda possa «herdar» o gabinete do reitor, tendoterminado a tese com a nota máxima.DESCONTENTES. O caso de Maria José Craveiro, contudo, não será o único. Ao que oDN apurou, existe algum mal-estar entre alguns docentes devido à alegadainexistência de um critério pouco claro por parte da UCP «relativamente àescolha dos professores que assinam, ou não, contrato de exclusividade». Motivo de críticas também tem sido o facto de o director da Faculdade de CiênciaHumanas, Mário Pinto, ser simultaneamente presidente do Conselho Científico semque detenha os graus de mestre ou de doutor, contaram ao DN vários docentes. A Universidade da Beira Interior, referiram os mesmo interlocutores, tem sido olugar de acolhimento de vários descontentes.Contactada pelo DN, a assessora de imprensa da UCP, considerou sem interessetecer um comentário à situação. Conforme explicou, a instituição tem os mesmosproblemas que qualquer outra, com processos laborais em tribunal, os quais,segundo disse, são vários, encontrando-se a percorrer os trâmites judiciaisnormais.Maria José Craveiro, manifestou também a sua indisponibilidade para a comentar,confirmando apenas a existência da penhora. Quanto aos bens arrolados, disse quea opção visou, sobretudo, transmitir um gesto simbólico.

cabra da mulher, nd lhe escapa, irra!!! foi c ela q fiz a minah ultima cadeira do curso... grrrrrrrrrrr!!

sexta-feira, 15 de outubro de 2004

As melhores de Woody Allen

(enqt n faço nd na redacçao)

1. "No te metas con la masturbación. Es hacer el amor con alguien a quien yo quiero."

2. "La ultima vez que estuve dentro de una mujer fue quando visité La estatua de la liberdad"

3. "Trabajo de psiquiatra. Actualmente estoy tratando a dos parejas de hermanos siameses que sufren de doble personalidd. Me pagan ocho personas."

4. "Mi cerebro es mi segundo órgani favorito."



Natal, já???

Parece que o Natal está a chegar a Sevilha... senao para que já estao a enfeitar tudo para essa época festiva... estamos a 15 de Outubro ou estou completamente taralhoca??

Sevilha acordou tristonha

Hoje o dia está tristonho e frio. Apetece-me ir para casa, vestir o pijamita e ficar sossegadinha. O céu está carregado de nuvens e ameaça uma grande chuvada para o fim de semana. Nada que me espante: desde que me conheço que quando anseio por um fim de semana solarengo (após uma semana excelente de sol... a trabalhar!), tenho o azar de estar um tempo de m$%&/.

Com os phones postos e a ouvir música aos altos berros, vinda directamente do meu mini-disc, tento abstrair-me de tudo o que me aborrece. A redacçao hoje está morta, nao há mt trabalho, está tudo descontraído.... isto assim dá-me sono. Dá-me gozo o stress de trabalho, o estar no limite do prazo para entregar uma notícia, a adrenalina.

A Lé e a MJ foram embora para Lisboa logo de manhazinha. Foi muito bom tê-las por cá uma semana inteirinha. Bem dispostas, sempre a passear. Só lamento nestes últimos dias n ter podido acompanhá-las nos passeios. O trabalho n me deixou. Mas valeu a pena. Sairam duas notícias minhas : ) (Sinha, parece q as meninas têm planos de dar um saltinho a Madrid para te fazerem uma visita)

Hoje chega o namorado da Susana, a arquitecta do nosso grupo. Amanha temos saída. Por cada pessoa que chega para nos visitar, temos que celebrar. eheh!! E na segunda chega o mais recente elemento dos Leonardos (= q estao a fazer o programa leonardo da vinci), o Bernardo Mendia.(sim católicas, ele mesmo!) (Por coincidência, foi meu colega de curso um ano e depois mudou-se para Direito. )

O que me apetecia agora era mesmo um palmier recheado de chocolate... e daqui a nada saio daqui e vou aqui à feira em frente ao jornal comprar uns lenços LINDOS DE MORRER, assim muito coloridos, como eu gosto! : )

Vou aqui fazer uma pesquisa para saber os preços para o concerto dos The Corrs, aqui em Sevilha, para o mês que vem!

Até loguinho.
Rita




quinta-feira, 14 de outubro de 2004

E pronto cantei o fado...

Ia eu a sair toda lampeira da redacçao e n é q me pedem (EM CORO!) para cantar o fado??????????? PORRA, LOGO EU...

Pensei, pensei e só me ocorreu uma parte minima de um fado: "...nunca mais montei, nem sei se o farei... tal é a saudade!". Disse-lhes isso, mas nd os demoveu. Queriam pq queriam ouvir. LOL.

Foi hilariante. Cantei e ENCANTEI!! (meninas, era timida para o karaoke... pois ja n sou!!)

Agora vou TENTAR ir p casa...

bjosss

ps-escusado será dizer q envergonhei a "raça" portuguesa c esta vozinha de canário doente...

Já sou amiga de um gay : )

Fim de mais um dia de trabalho. 22 horas. Realizaçao profissional. Muito menos cansaço do que ontem. E estou feliz.

O que nao vos contei foi a forma como conheci o meu colega de redacçao, de seu nome António. Eu achava que era uma pessoa assim a modos que um pouco preconceituosa, mas fiquei a saber que estou muito mudada. Vou conhecendo cada vez mais de mim própria.

OK OK, vou contar a minha conversa com o António. (CUSCOS)

Ontem, meu primeiro dia de trabalho, fui com ele à tal conferencia de imprensa (aqui diz-se rueda de prensa, supé bem ; ) No caminho começámos a falar, aquele tipo de conversas banais: "es de onde?", "fazes o quê?", "ah, tenho um amigo q esteve em lisboa", "era para ter lá ido este fim de semana", "mas o meu namorado nao pôde". AÍ PAREI DE FALAR E DE PENSAR. (lol, fui discreta ok pessoal?) Porra, ele terá dito "o meu namorado" (mi novio) ou tou a ficar louca??? A conversa continuou até que pensei "tenho que lhe fazer uma pergunta que me diga se o gajo tem namoradO ou namoradA". E tungas, "como se chama o teu namoradO" (arrisquei-me a levar um par de estalos e a ouvir "estás a chamar-me maricon????????"). Lol, mas nao. Ele limitou-se a sorrir e respondeu "Luis". Tao simples quanto isto. Tao simples como eu me chamar Rita. Fiquei meio abananada, mas passado o 1º impacto tudo ficou bem. LOL. e cusca como sou, perguntei-lhe tudo: "como disseste aos teus pais?" e fiquei a saber que a mae soube td quando o Luis (su novio) ligou para casa dele e disse "si cariño" e se apercebeu que era a mae do seu "cariño". HEEHEH. Claro q nos estávamos a rir q nem uns perdidos durante esta parte da conversa!! O pai, por sua vez, soube um dia que foi ao colegio buscar a neta e estava lá a outra filha (eles sao 3 irmaos) para ir buscar a sua filha. (ok, eu explico: a filha de uma irma foi o pai buscar. a filha da outra irma foi a ppa mae buscar, percebem???). Nisto, a filha pergunta ao pai "entao, como esta a mae dps de saber da noticia que o antonio tem namorado?". CLARO Q O PAI N SABIA. E tungas, soube ali, a friooooooooooooooooooooooooooooo!! Mas pronto, hoje a família está toda contente e feliz e n há stresses. E eu e o António levamo-nos muito bem, que é como quem diz, damo-nos bem, e o meu trauma c gays é passado. LOL. weeeeeeeeeeeeeee!!

(e enqt escrevia isto, o meu chefe veio dizer-me q está mt contente com o meu trabalho, q se vê se p além de licenciada também já trabalhei. Gosta da minha construçao de frases e blá blá... mmo bom p o meu ego, pq dou cd erro em espanhol q vcs tinham de ver...).

E pronto, já sou amiga de um gay : )

bjos. Rita

PS - sabiam q em qd ha 3 irmaos rapazes numa família, o 3º tem tendência p ser gay? Tudo pq a vontade da mae ter uma filha mulher é tal q lhe passa hormonas femininas. ISTO ESTA CIENTIFICAMENTE PROVADO. Foi o meu chefe q me contou ontem ao almoço. Claro q o antonio tinha logo q opinar "n entendo, tenho duas irmas mulheres e sou gay!, lol".
n pude deixar de perguntar se o contrario tb se aplicava, isto é, ter dois irmaos homens e ser-se a 3ª e mulher. FELIZMENTE ELE DISSE Q N. q as lesbicas n se explicam por aí. UFA, pq sim, tenho dois irmaos q nasceram antes de mim. OH GODDDD!!!!!

e c isto me vou para casa, lol. Q VONTADE DE RIR!!!

ps2-qq duvida sobre a historia de quem é filho de quem e neto de quem, liguem-me,ya???????

Aqui vos deixo uma notícia minha

Amigos, ng é obrigado a ler, mas fica aqui a minha segunda notícia no jornal 20 minutos : )

RITA VALENTE20 MINUTOS

La Zaranda:25 años subidos en un carrusel

Con motivo de sus 25 años de existencia, la compañia de teatro La Zaranda celebra las bodas de plata con una nueva pieza.
Ni sombra de lo que fuimos, de Eusebio Calonge, explora los caminos de la decadencia, representada por un carrusel.
Una reflexion sobre el ser humano, su destino y la muerte es lo que Calonge tiene para mostrar. De sabor amargo y un aire nostalgico, la obra es una retrospectiva de la evolucion. Segun el autor, "ésta es una perspectiva poco optimista acerca de la fugacidad de la vida".
Nombres como Gaspar Campuzano, Enrique Bustos o Carmen Sampalo forman parte del elenco teatral.
La Zaranda, Compañia Estable de Andalucia, fue una de las responsables de la renovación teatral en España. Desde 1978 lleva cultivando un estilo versátil que se ha mostrado al largo de toda sua historia. Conocida por una intensa investigacion y por ser fiel a sus raíces tradicionales, Zaranda continua su búsqueda de la verdad teatral.
Durante este fimnde semana podrá asistir a Ni sombra de lo que fuimos en el Teatro Lope de Vega y vivir un "carrusel de esperanzas y fracasos, buscando entre las sombras que pasan una cara conocida o alguien de quien ya olvidamos el nombre", como nos describe el autor.
l TEATRO LOPE DE VEGAAVENIDA MARÍA LUISA, S/NSABADO, 21 H, DOMINGO, 20 HDE 8 A 18 EUROS

quarta-feira, 13 de outubro de 2004

Sevilha...a trabalhar...

Ainda estou viva, para aqueles que pensavam que andava desaparecida. Viva, mas morta de sono e cansaço. Já comecei a trabalhar, mas antes conto como foi o fim de semana dos meus anos.

Ora, o Pipo, Lé e MJ chegaram Sábado à tarde. Fui "alojá-los" e depois fomos até casa da Joana e da Susana, onde estava todo o pessoal. Daí fui c eles comer umas tapitas (começa a ser enfadonho dizer sempre o mesmo... mas n tenho saída!) e dps fomos p o meu jantar de anos, onde se juntaram a Eva, la húngara e duas amigas suas. Tenho que referir que a Eva afinal é óptima pessoa, super simpática, sociável e nd porquita como eu tinha dito. As aparências iludem...

O jantar foi ultra espectacular. Mt divertido, mt bem e barato, tirámos muitaas fotos (PIPO CONTINUO A ESPERA Q INSIRAS FOTOS NO MEU BLOG!!). Dps fomos ver o flamengo e aproveitámos para ver a MJ tocar piano (melhor q ng!). Eu e a minha latosa fomos pedir ao pianista pa a deixar tocar e foi um sucesso! Daí fomos para a Alameda de Hércules. Foi td mt divertido. Cantaram-me os parabéns no meio da rua. Entretanto já se tinahm juntado a nós uns checos, outros eslovenos, alemaes, etc etc

No Domingo, dia exacto dos meus anos, fiquei só c o Pipo. Um dia calmo, sossegado, nos mimos. Adoro-te : )

Segunda o Pipo foi embora e a Lé e a MJ mudaram-se lá pa casa. Resolveram ficar até Sexta! E resolveram mt bem! Na segunda fui c ela p as compras e à noite houve jantarada em casa da Joana e da Susana.

Terça foi feriado por cá, acordámos tds tarde. Parte de nós foi à tourada (eu n fui...) e a outra parte foi ao cinema (fui ver o "diarios de motocicleta", sobre a vida do Che Guevara, muito bom!!). A seguir fomos jantar outra vez a casa delas, desta vez como despedida da Joana Matos que regressaava a Lisboa à meia-noite, para fazer o programa contacto).

Hoje acordei morta de sono... vim trabalhar, 1º dia, gd expectativa... chego às 9h, n há vivalma na redacçao... apenas o director e a secretária. Fiquei a saber q se entra às 11h. Até aí td bem. Dps fui c um colega a uma Conf de Imprensa de apresentaçao de uma peça de teatro. De seguida fomos almoçar, almoço de boas vindas pago pelo chefe. Dps às 5, sim 5(!!) viémos trabalhar. Isto n é normal. Almoços q duram uma tarde... o pior é q saio lá p as tantas... (23h??).

Agora estou à espera de ter sistema p poder escrever a notícia do evento q fui cobrir... eu a escrever em espanhol, lol!! (disseram p n stressar pq se for preciso reescrevem a notícia, q é p praticar a escrita!).

E cá estou... já tenho mail, rvalente@20minutos.es (todas as tardes, de manha estou desalojada, sem comp nem secretária... só a mimmmm!!).

Vá...vou fazer pela vida... PIADA DO ANO!!!!!!!!!!!!!

Bjossss a todosss


segunda-feira, 11 de outubro de 2004

Obrigada aos meus amigos : )

Amigos do meu coraçao,

Adorei os vossos telefonemas, mails e SMS's no meu dia de anos. Quando se está longe a importância de nao sermos esquecidos é redobrada.

Beijinhosssssssssssssss

RITA

PS- Pipo, Lé e Janjao, obrigada pela vossa presença "in loco". Nao vou esquecer...


sábado, 9 de outubro de 2004

Sevilha, lalallalal

Enquanto espero que o Pipo, Lé e Maria Joao (miúda mais uma vez, PARABÉNS PELO TEUS ANIVERSÁRIO ONTEM) cheguem a Sevilha, escrevo mais um post para alegrar (ou nao), o vosso dia!

Ontem fui ao ciné ver o filme "mar adentro". Muito forte, muito bom, muito triste. Vao ao site oficial... www.mar-adentro.com
Depois do filme, a depressao era geral e afogámos as mágoas no Burguer King, essa grande cadeia de restaurantes... SOUBE A PATO!

Ontem dizia eu q o Outono chegou... dps disso começou a chover a potes e ficou friooooooooooo!! Hoje está um tempo triste, vento, nublado... mas vai ser alegrado com pessoas importantes da minha vida a chegarem : )

O Mário faz anos hoje e falei com ele no MSN. QUE SAUDADESSSSSSSSSSS!!! Parabéns oh "mau feitio"!! (tas perdoado por n teres vindo...)

Volto logo que possa, que deve ser lá para 4ª Feira, q é qd o ppl regressa a Lisboa e qd começo a trabalhar. Novidades nao vao faltar!!

Beijinhosss









sexta-feira, 8 de outubro de 2004

Sevilha, Sevilha

Allo : )

No outro dia, em lugar de irmos ao ciné, fomos a uma aula de samba à borlix. Conhecemos uns brasileiros que estao a morar cá e nos convidaram. Saí de lá com uma dor de cabeça...

Ontem resolvi procurar um ginásio aqui perto de casa, para ver se faço exercicio... tenho tanto azar que n há um num raio de quilómetros... depois venham cá dizer que sou preguiçosa! Eu tentei!

Anteontem fomos fazer um passeio à beira do rio e foi super relaxante. Parecia que estávamos num parque em Nova Iorque. Pessoas a ler na relva, casais de namorados, aulas de canoagem, barcos a passar. Adorei aquela zona. O passeio salvou-me o dia (quando estava down...).

Ontem fizémos uma jantarada lá em nossa casa. Foi muito engraçado. Rimos imenso. O pior foi que nos deitámos tarde e hoje para acordar às 8 (7 daí) ia morrendo... (nd q uma tarde a dormir n resolva, lololol - há q aproveitar antes d começar a trabalhar)

Uma das portuguesas que veio connosco soube ontem que foi aceite para fazer o programa Contacto. Ou seja, vamos ter uma baixa a partir da semana que vem... fiquei muito feliz por ela e triste pq era das mais animadas do grupo! Enfim, tirou umas feriazitas de duas semanas e agora ruma a Lisboa. VIDAS!!!

Amanha chegam o Pipo, a Lé e a MJ. Faço anos no fim de semana e felizmente vou ter companhia : ) Reservei uma mesa num bar que tem umas comidas assim deliciosas... de comer e chorar por mais!! Vamos ser 11 pessoas. O pior vai ser passar o meu aniversário sem ver o mano... a primeira vez em 26 anos... vai ser duro. ; (

Sou capaz de ir a Portugal em breve, matar saudades. Portanto, tudo a preparar-se para estar com a JE : )

Hoje o Outono chegou à cidade. Já está menos calor, o sol espreita timidamente, mas nada que se compare com os 30 e mts graus q se têm sentido.

N sei se me esqueci de contar alguma coisa, mas volto aqui amis daqui a bocado e reponho o que faltar.

Beijos enormes para todos.

Rita









quarta-feira, 6 de outubro de 2004

Desabafo

Hoje, pela primeira vez, sinto umas saudades enormes da minha cidade e dos sítios que eu considerava banais. Sabem aquele frio no estômago e o nó na garganta? Pois bem, já chegou cá!
Sinto-me a atrofiar... Para ajudar, vou ao cinema ver um filme que se chama "Pelo Mar a Dentro", um drama mesmo drama de fazer chorar as pedras da calçada... tou lixada
: (

Beijos com muitas muitas saudades,

Rita




terça-feira, 5 de outubro de 2004

Pessoal ; )
Voltei, após um longo fim de semana!
A claudita esteve cá comigo e foi muitooooooooooo giroo! Chegou Sábado e almoçámos por casa com a Joana e a Inês, colegas de apartamento. Depois fomos até um café chamado "Alfafa 10", onde nos encontrámos com a Susana, Joana, Filipa e Diana, estas duas últimas vieram tb de fim de semana.
Mais tarde fomos todas jantar fora, las chicas todas : ) Foi muito divertido. Daí fomos salir por la noche. um concerto de hip hop, um bar onde um travesti estava encostado ao balcao como seu ar feliz (...). esse bar tinha um pormenor engraçado: um candeeiro feito na integra por garrafas. Tinham de ver!

No Domingo acordámos às 4 da tarde... fomos almoçar a um bar que se chama "las colunas". Fartámo-nos de comer (aliás, por aqui n fazemos mais nada...). Depois passeámos por las calles, encontrámos dois grupos de portugueses, um de chicos outro de chicas. À noite fomos encontrar-nos todos num bar onde se dança o flamengo, "La carbonneria"! Foi muito engraçado.
Eu estava preocupada com a vinda da claudia p lisboa, armei-me em "latosa" e fui pedir boleia às "amigas" tugas. Foram umas queridas e prontificaram-se logo! Foi mmo golpe de sorte, lol! A esta hora a claudita deve estar quase, quase a chegar!! eheh, quem é amiga, quem é???????????????
Ontem acordámos cedo e fomos para as compras no centro da cidade. O meu pai, que estava no Algarve de fim de semana, resolveu passar por Sevilha para ver se a filha estava bem. Lá fomos ter com ele depois do almoço. Pela tarde estivémos na esplanada (ele n tinha almoçado) e depois fomos mostrar-lhe o apartamento. FOI MEL, N TIVÉMOS DE IR DE AUTOCARRO PARA CASA!! Depois ele foi embora e nós ficámos na "paz do senhor" a descansar os pezinhos e a jantar!
Hoje fomos até ao centro comercial aqui perto de casa, aproveitar o último tempito q tinhamos p tar juntas... depois fomos até casa buscar as malitas e rumámos até ao hostal onde estavam as portuguesas... "VAIS PARTIR..." (foi o q pensei qd a claudita entrou no polo das tugas, chuif...).
Pronto, entretanto já sei q começo a trabalhar na 4ª, dia 13, uma vez q terçá é feriado e segunda ponte : ) Fiquei mesmo no jornal de q vos falei, podem saber mais em

www.20minutos.es
E é assim a vida (do artista nacional - já alguém dizia isto há mt tempo atrás...)Vou jantar agora porque vamos todos a um concerto de jazz à borlix. Ah pois é, q o ppl aqui n dorme em serviçooooooo. (fora eu q nas aulas de espanhol durmo q é uma maravilha!).
Besosssssssssssssssssss

sábado, 2 de outubro de 2004

Sevilha, ? relatório (já me perdi...)

Amigossssssssssssssssss,

Sábado, dia de acordar tarde, dormir muito, descansar!

Ontem estava com 4 horas de sono, mas depois da siesta fui para o centro da cidade com elas, resolveram q queriam ir às compras. E lá-me vou reperir outra vez: os espanhois n fazem nada!! As lojas estavam apinhadas de gente. Perdi logo a vontade!

Depois de uma maratona de lojas, sem compras, obriguei toda a gente a sentar num café e comi um mega palmié de chocolate (palmeira para eles). Estava óptimo! À noite fomos borregar para casa delas que fica ali ao lado, comemos uma mega massa, conversámos imenso e à uma e tal da matina bazámos para casa. Incrível como esta cidade, que tem tanto movimento, estrangeiros, tem tao poucos táxissssss!! É um fenómeno para conseguir um às sextas e sábados!!!

Ontem já estava meio adoentada e hoje a saga continua. O calor que se faz sentir, 36 graus, só em fazem mal. Nas ruas um bafo de morrer, nas lojas, carros, casas um frio... tenho a garganta toda afanicada, mas n digam à mami senao telefona-me toda preocupada e n há necessidd, certo??

Hoje voltámos a n ter água quente... fui buscar a Claudita à camioneta, ELA ESTÁ AO MEU LADO, WEEEEEEEEEEEEE, e tomámos banhinho de água fria... é sempre bom dar uma recepçao destas às amigas... (desculpa miga, a culpa é da puta da caldeira).

Pronto, já chega de testamento! Logo à noite vamos para la fiesta y las copas. Quando puder conto tudo!

Beijos




sexta-feira, 1 de outubro de 2004

Sevilha, 6º relatório

Chicos e Chicas, qué tal?

Saída da aula de espanhol e cheia de sono (dormi 4 horitas...), vim à net antes da siesta... ou era agora ou nao era!

Ontem lá fizemos a visita cultural. O calor era de tal ordem que só queriamos mesmo sentar-nos numa esplanada à sombra e beber algo gelado. E foi o que fizémos, lol. Ainda fomos à Pc. de Espanha, passeámos pelo parque e tivémos que ir à embaixada portuguesa. (tirámos uma grande foto, com a je pendurada no portao feita doida!).

Por la noche lá tivémos a jantarada, foi muito giro. Os húngaros levaram as bebidas e uma grande massa, para acrescentar a duas massas nossas. Com muita música, risada, fotos, dança, quando demos por nós era uma da matina. Depois os húngaros, que nao sao irresponsáveis como nosotros, foram dormir para casa pq tinham q acordar cedo.

Nisto, fomos ter com o espanhol, o sueco e o italiano (cuja mae é brasileira, o avô mora em oeiras e ele passa ferias em tavira... gd filme!) e fomos tds até ao bairro alto cá do sitio. Td sentado no chao a conversar, a beber. Continuo a achar q os espanhois têm uma gd vida!
Acabei por dormir 4 horas e hoje a aula de espanhol foi dolorosa... mas tenho a tarde toda para me recompor. Amanha chega a Claudita e tenho que estar nova!

Como a vida é cheia de coincidências, descobri que a minha coordenadora, de seu nome Loretto (nome de homem), tal como eu, tem um irmao gémeo, sao balanças como nós e os dois irmaos dela têm os nomes dos meus irmaos. Por momentos interroguei-me se n seriamos hermanas, lol. Mas somos apenas irmas por eles serem os "nuestros hermanos". (eu sei q isto n vos interessa p nd, mas eu adoro estas pequenas curiosidades).

Já temos água quente em casa mas, como é uma caldeira, quando o 3º vai tomar banho já n há água quente p ng... gd bosta.

Entretanto acho que vos falei de uma hungara mt sujita que mora com duas portuguesas nossas amigas. A dita, de seu nome Eva (Eva, eva!! - música da Ivette zangalo), numa conversa banal contou-nos que foi passar o f de sem com um desconhecido, a tarifa, e q foram na furgoneta dela. Nós fizemos um ar normal, mas ficámos tds a achar q a jovem é louca e treslocada! Ontem apareceu às 23h30 p o jantar e a justificaçao dela foi que tinha estado num parque a ver pássaros... epá, ng vê pássaros à noite. P além disso, no outro dia esqueceu-se da chave dentro de casa e qd chegámos tava a gaja na rua de pantufas a tentar escalar o prédio p entrar pela janela. (um 2º andar). Eu achava q era eu q andava a meter-lhe defeitos, maas agora tenho a certeza q a jovem nao joga com o baralho todo...

Em principio vou estagiar para um jornal de distribuiçao gratuita que podem conhecer em

http://www.20minutos.es

Parece-me muito interessante. Vejam e digam-me de vossa justiça... (td bem, n é um El Pais, mas querem o q?) (sim, já n vai ser numa rádio ou numa agencia de publicidd).

E pronto, já escrevi o testamento do dia e agora vou regalar-me com umalmocito e uma siesta!

Bejos para todos.

Rita