sexta-feira, 5 de novembro de 2004

Sevilha vai a Gibraltar

Amanha vou a Gibraltar passar o dia. Estou toda entusiasmada e nada me impede de ficar assim. Nem mesmo os comentários das pessoas a quem o disse:

"Mae, vou a Gibraltar no sabado", resposta "oh filha, aquilo é tao inospito..."

"Eva, voy a Gibraltar con Ines y helder en el sabado", resposta "hum...solo vas a ver monos. no tiene más nada..." (monos=macacos; eva é a hungara...)

"Loreto, voy a Gibraltar en el sabado", resposta "ahahahha, que es un pueblo piqueño donde sus habitantes son ingleses de segundo grado" (loreto é a minha coordenadora; n fazia ideia q existiam ingleses de segundo grau...)

Enfim, n quero nem saber... posso até odiar, mas se n for nunca vou saber!!! Raios ham??????????????

Hoje chegam 4 amigos do Bernardo. A casa vai ficar cheia. É sempre bom haver mais animaçao : )

Daqui a bocado vamos ao ciné, talvez ver o filme do Woody Allen. Mesmo em espanhol, deve ser muito bom. E como chove lá fora, q mais se há-de fazer???????????

O Helder tem uma amiga que passou a semana por cá. É uma simpatia mas nao a entendo... veio de aviao, pagou 300 euros pela viagem, chega cá, passeou pouco ou nada, acordava qd chegávamos para almoçar, ficava em casa a arranjar as unhas e pouco mais... será normal??????????? (tipo agora ta em casa so pq está a chover... enrolada numa manta, surreal!!!!)

Ontem passei pelo Hostal Macarena, por mero acaso, q foi onde eu e o mano gémeo ficámos aqui há uns anos. Senti uma espécie de nostalgia e muitas saudades dele. Foi numa fase menos boa da minha vida e ele ajudou-me muito. Gosto tanto dele... (e vcs c isso!!)

Pronto, vou deixar-me de lamechices e acabar com isto.
Beijos e beijos (ah, e beijos) para todos,

Rita

ps-bom fim-de-semana (ALELUIA IRMAO!!)



1 comentário:

Anónimo disse...

Oh Rita, eu adorei Gibraltar! tá bem que tinha 16 anos mas foi uma excitacao estar de repente num sitio onde se via Libras em vez de pesetas, em que era só Bifes à volta, subir ao monte e ver os macacos a roubarem os amendoins, o teleférico, bem, tudo... gostê. Mafas