quarta-feira, 16 de junho de 2004

Lembrei-me de ti

Hoje lembrei-me de ti. Vinha pela IC 19 em direcção a Lisboa e lembrei-me... Pensei que seria boa ideia ir jantar contigo. Afinal, tenho saudades tuas. Dos teus abraços, do teu cheiro, da forma como falas comigo e como me aconchegas. Liguei-te. Pareciamos dois estranhos... "então está tudo bem?", "sim, e contigo?". Realmente não nos falávamos há bastante tempo... mas foi estranho e impessoal.
Acabei por não ter coragem de te perguntar se querias ir jantar. Acabei por deixar passar mais uns meses até voltar a ligar. De qualquer das formas quero que saibas que te adoro, para sempre.

Do teu bichinho.

1 comentário:

bruno disse...

falar é mesmo fácil...
chega o momento e tu sentes qualquer coisa a explodir a gritar para sair, mas tudo se desvanece ante a imagem da incerteza...