quarta-feira, 19 de maio de 2004

Benvindo VS Bem-Vindo

Há uns (largos) anos, estava eu na faculdade a fazer uma frequência de Língua Portuguesa cujo grande objectivo era corrigir um enorme texto. Aquilo pareceu-me muito fácil e até achei que me tinha corrido muito bem. Quando recebo o dito já corrijido apercebi-me que afinal a facilidade era relativa... Entre outros erros, enganei-me na palavra "bem-vindo". Ou melhor não corriji de "benvindo" para "bem-vindo". Tenho que confessar que fiquei lixada... e nunca mais me esqueci!

Ora, há uma semana, vou eu a fazer a IC19, como faço todos os santos dias para ir trabalhar, e reparo num cartaz da Câmara de Lisboa com a frase "Benvindo ao Rock in Rio". Fiquei a matutar naquilo e perguntava-me "será que andei enganada estes anos todos?". Cheguei mesmo a comentar com uma grande amiga e ex-colega de faculdade... Mas tudo se esclareceu quando vi no jornal da SIC Notícias a reportagem sobre o erro do cartaz.

Agora pergunto:

O Drº Santana Lopes atribuiu as culpas à organização do Rock in Rio, que por sua vez negou ter qualquer responsabilidade. No fundo só gostava mesmo de saber se nenhuma alminha pertencente à Câmara ou à organização do dito evento musical conseguiu reparar no erro que ali estava... CAMBADA DE BURROS.

Por pouco não perdi o sono... agradeço desde já ao Drº Vítor Oliveira, que foi quem me ensinou a distinguir estas duas palavras, e deixo os meus "pêsames" a quem não teve o privilégio de aprender antes como escrever correctamente.


5 comentários:

Anónimo disse...

Pois é, Rita! Mas parece que esse não foi o único erro da campanha do Rock In Rio, já que são "14 horas de música todo o dia". Ora, toda a gente sabe que um dia tem 24 horas! :)

Enfim... parece que andam todos a dormir!... Olha que não era mal pensado. :D

Anónimo disse...

Pois é cá estamos~, não é verdade? Pois quem nos dera há gente não dare erros. Errar é humano e a tv toper que o diga:P Temos dito!
Foi só para dizer que já cá me vim e já me fui!:)

Anónimo disse...

Pois é cá estamos, não é verdade? Pois quem nos dera há gente não dare erros. Errar é humano e a tv toper que o diga:P Temos dito!
Foi só para dizer que já cá me vim e já me fui!:)

Anónimo disse...

Opa a o marketing da campanha foi feito por um companhia brasileira, alias como mais de 60% do mega concerto q foi organizado e produzido por os brasileiros. Apesar de ser em Lisboa aquilo n pode perder o merito da sua originalidade né? É basicamente como o bom palop a viver em Portugal, n dao nomes portugueses nem nomes africanos dao misturas... Telma + Neusa = NELMA!

ross disse...

quem é esse tal Dr. Vítor Oliveira? é o meu professor de português só assim por acaso? :o